Versos do amor sem fim

Antônio Carlos Monte

 Antônio Carlos Monte
Tom: C
		
 C
 Plantei fundas esperanças no meu canto
                                     Dm
 Pois cantar é terra fértil pra quem ama

 E as tristezas são sementes não crecidas
       G                               C
 Na tua partida, que em meu rosto se derrama

 
 Estes meus versos andam tristes nos confins
                                  Dm
 Pois a saudade, trás silêncio de taperas
 
 Cevo o meu mate, nestas tardes de horas largas
           C                G           C
 Que são amargas, quanto as noites de esperas
  
  :F                                            C
  :Escuta minha prenda esta canção que fiz só pra ti
1º:      Am                       Dm
R :No univeso, nosso amor anda disperso
e :          C               G             C 
f :Buscando rimas pra estes versos que escrevi 
r :
ã :           F            
o :Teus olhos meigos do infinito pra onde foste
  :                                   C
  :Rasgam o céu na escuridão dizendo a mim
  :            Am                       Dm     
  :Que tu me esperas, pras eternas primaveras
  :         C             G              C
  :Do novo mundo cheio de paz, e amor sem fim

 D                                       
 Em que outro mundo, aquerenciou-se afinal
                                      A7     
 Se meu olhar encilha o felhete, e sai pra vê-la
          Em
 Será nas águas mais profundas de algum mar
              E7                   A7
 Quem sabe o céu, ganhou mais uma estrela


       D
 Ainda ergo, aquele rancho que sonhamos
                                     A7
 Nas voltas fundas, no fundo de algum rincão
2º:             G                          D
R :Pra que a saudade tenha abrigo quando chegue
e :          A7                     D
f :A onde o sonho se casou com a solidão
r :             G                          D
ã :Pra que a saudade tenha abrigo quando chegue
o :          A7                     D     D7       
2x:A onde o sonho se casou com a solidão

 :G                                            D
  :Escuta minha prenda esta canção que fiz só pra ti
1º:      Bm                       Em
R :No univeso, nosso amor anda disperso
e :          D               A             D      D7 
f :Buscando rimas pra estes versos que escrevi 
r :
ã :           G            
o :Teus olhos meigos do infinito pra onde foste
  :                                   D
  :Rasgam o céu na escuridão dizendo a mim
  :            Bm                       Em     
  :Que tu me esperas, pras eternas primaveras
  :         D             A              D
  :Do novo mundo cheio de paz, e amor sem fim
    
24.963 exibições

Comentários 0

Composição: Sabani Felipe de Souza
Esse não é o compositor? Avise-nos.
Consegui tocarAinda não conseguiram tocar essa música. Seja o primeiro!
    Não consegui tocar
    Exibir acordes »
    publicidade
    fechar