Tom: G
		
(intro) D7 G


E|-----------------------------------------------------------------|
B|-------------7--10--7-----8--------------------------------------|
G|---7--9--10------------9-----7---------7--9----------------7-----|
D|--------------------------------9--10--------10--7--9--10-----9--|
A|-----------------------------------------------------------------|
E|-----------------------------------------------------------------|



E|--------------------------------------------------------------------------|   
B|--------------------------------------------------------------------3-----|
G|-----------------------------------------------------------------4-----4--|
D|-------------4--7--4-----5---------------------------4--7--5--5-----------|
A|---5--7--8------------7-----5---------5--7-----5--7-----------------------|
E|-------------------------------7--8---------8-----------------------------|


G                    C     D7      G
Caminheiro quem passar naquela estrada
         C    D7  G       G                   G7  *(I)(Passagem)
Ve uma cruz abandonada como quem vai pro sertão

(I)

E|---3-----------------------0--|
B|---3-----------------------1--|
G|---4-----------------------0--|
D|---5-----5--4--3-----------2--|
A|---5--5--------------3--2--3--|
E|---3--------------3-----------|

                  a  muitos anos.....

            C          D7           G
Ha muitos anos neste chão foi sepultado um preto veio
    A           D7         G
 e herado por nome de pai joão

(solo)   C  C  G   C

G              C     D7     G             C D7      G
pai joão na fazenda dos coqueiros foi destemido carreiro
 G             G7  (I)      C          D7          G
Querido do seu patrão sua boiada o Chibante e o Brioso
              A            D7            G
No morro mais perigoso arrastava o carretão                (solo)

G              C        D7  G           C     D7     G         G
Numa tarde pai joão não esperava que a morte lhe rondava
 G7                 (I)         C            D7         G
La na curva do areião e de uma queda em baixo do carro caiu
                  A        D7          G
Do mundo se dispidiu preto veio pai joão             (solo)

G             C     D7       G           C   D7      G
Caminheiro aquela cruz no caminho já contei tudo certinho
                     (I)        C      D7              G
A historia de pai joão,resta saudade daquele tempo que foi
                  A      D7              G    A  D7   G
O velho carro de boi no fundo do manqueirão

Comentários 1

  • mctorresmo mctorresmo: Postado em 26/12/2012 21:22

    VAI TOMAR NO CU COM ESSAS PROPAGANDAS BEM EM CIMA DAS CIFRAS!!!!O PIOR É QUE NÃO TEM OPÇÃO DE EXCLUI

Composição: Sabe quem é o compositor? Envie pra gente. Contribuição: luanpatussi Correções: Edu e mais 1 »
Exibir acordes »
publicidade
fechar