Cifra Club

Aprenda

No Rain, No Rainbow

Aqua Timez

Ainda não temos a cifra desta música.

Nishibi wo maeni tachiagaru jiyuu higashi ni nobiru kodoku to iu kage
ki wo nuku to kanashimi ga afuredasu
mujikaku ni hito wo kizutsuketa koro no koto wo tsugunaenu mama de

Tenohira to hiza wo suri muite naita kaerimichi ga ukande kieru
houkago no rouka de suki na ko to surechigatta toki no kirameki ga kasumu

Namida wo otosu to ashimoto kara niji ga kakaru you na rakuen ni tadoritsuku
tadoritsuita totan [KEETAI] no [ARAAMU] ga boku wo genjitsu ni yobimodosu

Toki toshite hito wa kizutsuita bun kizutsuke you to suru mono
toki toshite hito wa aishita bun ai sare you to suru mono
tsugi kara tsugi e to genjitsu wa tada
risou wo oikoshite mirai e to susunde yuku

Hidoku sabishii kaerimichi hito koishi sa wo tsurete aruki tsuzukeru
michi no achikochi ni chirakaru chiisa na ii wake ni
tsumasaki wo butsuke nagara aruku
never too late ososugiru koto wa nai
sono kotoba wo shinjite miyou ka muzukashiku kangaezu
rikutsu no sotogawa ni yarubeki koto ga aru yari nokoshita koto ga aru n'da

Boku no imamade no jinsei wa kesshite subarashii mono de wa nakatta
semete kyou kara wa hikari wo utaou ima nara mada maniau hazu
kirei de azayaka na hikari janakutemo nagedasu yori wa ii
saa yami wo kuguri nukete

No rain, no rainbow te wo sora ni kazase
harewataru sora ni inori wo kanaderu you ni

Com o sol poente à frente, a liberdade que se levanta. Ao leste, a sombra chamada solidão vai aumentando.
Quando me destraio a tristeza transborda
Sem poder me retratar pela época em que machucava as pessoas sem preceber

O caminho de volta em que chorei por ter ralado a palma da mão e o joelho, surgem e somem
O brilho do momento que cruzei com a menina que gostava no corredor após a aula enuveia

Quando a lágrima cai é como se a partir dos pés um arco-íris se espalhasse, me levando ao paraíso
No momento que chego, o alarme do celular me chama para a realidade

Em algumas épocas, as pessoas tentam machucar o mesmo que foram machucadas
Em algumas épocas, as pessoas tentam ser amadas o mesmo que amaram
De um em um, a realidade apenas ultrapassa o ideal, e vai em direção ao futuro

No caminho de volta muito sozinho, continuo a andar levando a vontade de ter alguém comigo
Ando passando as unhas nas pequenas desculpas espalhadas pelos cantos da rua
Nunca é tarde, não é tarde demais. Vou tentar acreditar nessas palavras, sem pensar muito
Fora da lógica, tenho algo que preciso fazer, algo que deixei incompleto

A minha vida até agora, com certeza, não foi nada incrível
Ao menos, a partir de hoje, vamos cantar a luz. Se for agora ainda dá tempo
Mesmo que não seja uma luz linda e pura, é melhor do que desitir. Vai, atravesse a escuridão

Sem chuva, sem arco-íris Levante a mão aos céus
Para o céu aberto, cante a prece

Colaboração e revisão:
  • Nii Kawasaki
  • Tiali Lopes

0 comentários

Mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK