Cifra Club

Hammer On e Pull Off: saiba tudo sobre a técnica de ligados na guitarra

Fala, colega das seis cordas! Este artigo pode ser um divisor de águas na sua evolução na guitarra, sabe por que? Aqui, vamos explicar tudo sobre a técnica de ligados na guitarra, tintim por tintim.

Músico tocando guitarra em estúdio
Os ligados são alguns dos recursos mais usados por guitarristas em todo o mundo (Foto/Pexels)

Dessa forma, você vai aprender o que são os famosos Hammer On e Pull Off e como aplicar esses recursos no instrumento. Além disso, vamos mostrar exemplos práticos de trechos de músicas que contam com essas técnicas. Da hora demais! 

O que é a técnica de ligados na guitarra?

Primeiramente, é importante deixar claro que os ligados são uma das principais técnicas de guitarra e violão. Ao lado de bends, slides, vibratos e palm mute, os ligados são extremamente presentes nas linhas de guitarra de diversos estilos musicais. 

Mas, afinal, o que são os ligados na guitarra? Resumidamente, essa técnica nada mais é do que executar as notas apenas com a mão que aperta as cordas. Há dois movimentos possíveis, justamente o Hammer On e o Pull Off. Ambos são executados sem palhetar com a mão direita (no caso dos destros). 

Se a sua cabeça está explodindo neste momento, muita calma! Não é mágica nem feitiçaria – na verdade, é muito mais simples do que você pode imaginar. Continue a leitura, porque vamos explicar de maneira fácil para você. 

O que é Hammer On?

O Hammer On consiste em “martelar” a corda com um dos dedos da mão que toca no braço. Isso faz com que a nota soe alta, mas sem tocar com a mão da palheta. Em outras palavras, basta apertar uma casa com mais força do que o comum, em um movimento de “martelada” mesmo.

Nas tablaturas, essa técnica é indicada pela letra h, que fica entre os números das casas do braço que devem ser ligadas.

Como fazer Hammer On na guitarra ou no violão?

Para começar a fazer Hammer On, tente este pequeno exercício: com o dedo 1, aperte a corda G na casa 5. Toque essa nota com a palheta, mas, em seguida, aperte com força a casa 7 da mesma corda com o dedo 3. 

Viu como você ligou as duas notas sem precisar palhetar a segunda? Bingo, você fez um Hammer On! A grande dica aqui é achar a intensidade certa do movimento para a nota não ficar muito fraca nem desafinada. Com um pouquinho de treino, você conseguirá desenvolver a precisão adequada. Vai na fé! 

O que é Pull Off?

Uma vez que você entendeu o que é Hammer On, vai tirar de letra o Pull Off. Veja só: é justamente o movimento contrário. Em outras palavras, em vez de “martelar”, você deve retirar o dedo de uma corda já apertada, fazendo com que outra nota soe.

A letra p representa a técnica de Pull Off nas tablaturas.

Como fazer Pull Off na guitarra ou no violão?

Da mesma forma que fizemos com o Hammer On, vamos aqui a um exercício simples para aprender a fazer Pull Off:

Com o dedo 3, aperte a casa 7 da corda G. Ao mesmo tempo, mantenha o dedo 1 pressionando a casa 5, combinado? Agora, sem palhetar, retire o dedo da casa 7, fazendo a nota da casa 5 soar. 

Não basta somente desapertar o dedo 3. Em vez de apenas levantá-lo, tente retirá-lo quase que puxando a corda para baixo. Você tem de fazer força nesse movimento, pois, caso contrário, a outra nota soará muito fraca. 

Exemplos de músicas com ligados na guitarra

Ok, você já entendeu o conceito e a explicação teórica. Mas ainda está com dificuldade de visualizar como é aplicada na prática a técnica de ligados na guitarra e no violão? Fique tranquilo, basta conferir os exemplos que separamos abaixo:

Thunderstruck — AC/DC

Não poderia haver um exemplo mais óbvio e clássico de ligados na guitarra do que este riff de introdução da faixa Thunderstruck, do AC/DC.

Repare como Angus Young até levanta o braço direito para mostrar que está tocando apenas com a mão que fica na escala. Ele faz Hammer On e Pull Off várias vezes seguidas de forma rápida, intercalando as notas apertadas com a corda solta. 

North — Mateus Asato

Agora, um belo exemplo de ligados no violão, dessa vez com Mateus Asato, um dos heróis das seis cordas brasileiras. Diga-se de passagem, os recursos de Hammer On e Pull Off são amplamente utilizados no fingerstyle, modo de tocar que está bombando atualmente.

Especificamente no tema que Mateus começa a tocar em 0:35, é possível ver como ele executa o movimento de Hammer On algumas vezes para embelezar o arranjo. Já a partir de 1:03, ele quebra tudo ao adicionar tanto o Hammer On quanto o Pull Off no meio das frases. Bom demais!

Ice 9 — Joe Satriani

Os ligados são muito usados por guitarristas virtuosos no rock pesado, fusion e heavy metal. Isso porque são uma excelente ferramenta para não precisar palhetar todas as notas, facilitando a execução de frases velozes.

No vídeo abaixo da música Ice 9, em 1:17, Joe Satriani faz um lick longo repleto de ligados muito rápidos. Você vai notar que ele palheta só algumas notas – todas as outras são com Hammer On e Pull Off. Dá um efeito interessantíssimo, não é? 

Ligados na guitarra e muito mais no Academy!

Agora que você já sabe o que são ligados na guitarra e aprendeu a fazer Hammer On e Pull Off, deixamos aqui um convite. Que tal aperfeiçoar essa e muitas outras técnicas em um curso online, com professores super capacitados e um preço bastante acessível? 

Sim, isso é possível! Basta você fazer parte do Cifra Club Academy, a nossa plataforma com cursos de guitarra e diversos outros instrumentos musicais.

Aproveite e também compartilhe o link deste artigo em suas redes sociais. Assim, seus amigos guitarristas também ficarão por dentro da técnica de ligados. 

Isso é tudo por enquanto, amigo das cordas! Porém, fique ligado, porque em breve vem mais conteúdo sobre a técnica de ligados na guitarra aqui no Cifra Club, fechado? Por fim, grande abraço, muito som para você!

Leia também

Ver mais posts

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK