Cifra Club

8 músicas de agradecimento para você tocar no Dia da Gratidão

Dia 6 de janeiro é o Dia da Gratidão, e nós aqui do Cifra Club queremos celebrar esta data com você! Para isso, separamos algumas dicas de músicas de agradecimento para você tocar e deixar esse ainda dia mais especial, com uma vibe bem positiva!

Beatles caracterizados à moda do álbum Sgt. Pepper's
Ringo, John, Paul e George em foto dos Beatles para o Sgt. Pepper’s (Foto/Reprodução/Internet)

E entenda gratidão como agradecimento à vida, ao povo, à mãe, aos amigos e até mesmo aos ex-namorados. Qualquer tipo de agradecimento é bem-vindo, principalmente neste dia! Vamos lá?

As melhores e mais conhecidas músicas de gratidão

Nesta seleção você vai encontrar músicas nacionais e internacionais, de várias épocas diferentes. A lista abrange diferentes estilos musicais, indo do samba ao pop, incluindo até mesmo uma canção chilena. Portanto, é só vir com a gente para conferir essas músicas e aprender a tocá-las no violão!

1. Obrigado Mãe — Naiara Azevedo

Abrindo as músicas de agradecimento, Obrigado Mãe tem 12 acordes e pode ser tocada até mesmo por iniciantes, mas que já saibam fazer pestanas. O arranjo tem alguns baixos invertidos, mas, caso você não saiba fazê-los, pode optar pelos acordes sem as inversões. Como exemplo, no lugar do acorde de E/G# (mi com baixo em sol sustenido), você pode fazer apenas um E (mi maior).

Uma dica para deixar a música com mais dinâmica é começar com um dedilhado e usar uma batida quando o arranjo ganha mais intensidade. Fica show de bola!

2. Thank You — Dido

 Com nove acordes e algumas pestanas, Thank You pode assustar à primeira vista. No entanto, há um macete que facilita bastante a execução: na página do Cifra Club destinada à canção, na ferramenta à esquerda da cifra, mude o tom para G (sol maior) e coloque um capotraste na quarta casa.

Pronto! Agora você continua com a música no mesmo tom e só tem uma pestana para se preocupar. Além disso, com mais cordas soltas, você perceberá que o som fica mais bonito.

3. Gratidão — Xande de Pilares

Gratidão é uma música super fácil de tocar. Inclusive, ela possui apenas seis acordes e uma pestana. Ainda assim, esse shape de Fm (fá menor) pode ser facilmente substituído por outro. Para isso, passe o mouse por cima do acorde e clique em “variar acorde”. A segunda opção, por exemplo, não envolve a pestana e permanece sendo um Fm. Simples, não é?

4. Gracias A La Vida — Mercedes Sosa

A obra chilena Gracias A La Vida é uma das mais belas músicas de agradecimento de todos os tempos. Ainda que tenha 16 acordes, não é muito complicada, e pode ser tocada por violonistas não tão experientes. Os acordes aqui no Cifra Club para essa versão estão certinhos, mas, se você estiver no nível intermediário, pode acrescentar alguns elementos presentes no arranjo.

Dentre eles está o uso da dinâmica, algumas variações no baixo, no ritmo, e o acréscimo de algumas dissonâncias que podemos ouvir uma vez ou outra. São detalhes que, no fim das contas, vão deixando o arranjo do violão mais especial.

5. A Amizade — Fundo de Quintal

A Amizade é uma canção mais voltada para o violonista intermediário, por conta de uma série de fatores. Eles incluem a grande quantidade de acordes, a rápida mudança entre os shapes e o ritmo de samba, que exige um pouco mais de desenvoltura.

Ainda assim, se você encarar o desafio, mas sentir que falta algum tempero, há algumas dicas que você pode seguir. Dentre elas, estão a alternância de baixos e o acréscimo de dissonâncias. Logo, por exemplo, que tal substituir um simples C7 por um C7(9), alternando-o, no mesmo compasso, com um C7(9)/G?

6. Thank U — Alanis Morissette

Com apenas três acordes, Thank U, da Alanis Morissette, uma das melhores cantores da história do rock, é mais uma da lista de músicas de agradecimento que é bem fácil de tocar. Está certo que um desses acordes tem pestana, mas, se você ainda não domina o recurso, eis uma boa oportunidade para aprendê-lo!

Ademais, a troca de acordes é lenta, não oferecendo dificuldade. Por fim, você pode completar o acompanhamento com um dedilhado simples, utilizando os dedos polegar, indicador, médio e anelar, nessa ordem. Com isso, o polegar fica responsável pelos baixos, e os outros dedos tocam as cordas restantes. Agora, é só repetir essa sequência duas vezes por compasso.

7. thank u, next — Ariana Grande

Sucesso na voz de Ariana Grande, thank u, next possui apenas quatro acordes. Contudo, não é possível evitar as pestanas e, por isso, tocar esta canção é tarefa para quem já sabe utilizar o recurso.

Não há surpresas na harmonia da música, já que a sequência de acordes permanece a mesma o tempo todo. Em vista disso, para a música não ficar monótona, é legal mudar a mão direita (para os destros) conforme ela for se desenrolando. Nesse sentido, um dedilhado pode substituir uma batida na mudança do arranjo aos 2min44s, por exemplo.

8. Thank You Girl — The Beatles

Para tocar Thank You Girl, você precisará de apenas cinco acordes, sendo um deles com pestana. Além disso, a troca de acordes desta música é um pouco rápida. Por tais razões, ela pode exigir um pouquinho de quem acabou de começar a tocar. Se você já tem alguns meses de prática, porém, dá pra tirar de letra!

Para que sua execução soe parecida com a guitarra base da música original, vale a pena aprender a parte com power chords. Essa passagem dá início à música e aparece também algumas outras vezes no decorrer da faixa.

Compartilhe este post!

Que tal compartilhar este post sobre músicas de agradecimento com seus amigos e parentes? Inclusive, você pode até mesmo fazer isso como forma de agradecimento a alguém. 

Ah, não se esqueça de dizer que 6 de janeiro é o Dia da Gratidão! Isso certamente os fará lembrar de alguém ou algo que possam agradecer em suas vidas. Espalhe essas boas vibrações por aí! Obrigado!

Leia também

Ver mais posts

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK