Cifra Club

Especial Rock in Rio: as principais curiosidades sobre o festival

Ah, o Rock in Rio! Esse evento maravilhoso, que já reuniu alguns dos maiores nomes do rock e da música mundial em geral, é aguardado com dias contados por quem sente a música pulsar nas veias.

Rock in Rio, o maior show da Terra

Rock in Rio é uma das alegrias do povo brasileiro (Reprodução/Site Oficial)

Você pode ter o nome de todas as bandas que participarão desta edição na ponta da língua, mas há muitas coisas sobre o festival que você não faz nem ideia! Neste post, você vai conhecer números e curiosidades sobre o maior show da Terra.

E aí, tá pronto para saber quais são elas e, assim, se mostrar um fã ainda mais assíduo? Então, let’s rock!

Estreias gringas em palcos brasileiros

Ao longo de suas edições brasileiras, o Rock in Rio foi o responsável por promover a estreia de vários astros internacionais nos palcos daqui. Só na primeira edição, por exemplo, o evento trouxe Scorpions, Iron Maiden, Ozzy Osbourne, Yes, Rod Stewart e Whitesnake.

Ozzy Osbourne usou até camisa do Flamengo

Primeiro shows de Ozzy Osbourne no Brasil foi no Rock In Rio I (Foto/Internet)

Na segunda edição, as principais “primeiras vezes em palcos brasileiros” ficaram por conta de Prince, Joe Cocker e Guns N’ Roses. Já no Rock in Rio de 2001, a organização trouxe o lendário Neil Young e a extinta banda R.E.M..

Na edição passada, o evento “apresentou” os fãs brasileiros para o The Who. Neste ano, quem estreia por aqui é o rapper Drake.

Números da edição 2019

A área do Parque Olímpico do Rio de Janeiro (RJ), local do evento, terá 385 mil m², ou seja, 60 mil m² a mais do que a edição de 2017. Espaço não vai faltar! Serão 7 palcos no Rock in Rio 2019: Mundo, Sunset, New Dance Order, Rock Street Asia, Rock District, Supernova e Espaço Favela.

Iron Maiden faz história no Rock in Rio

Iron Maiden vai agitar o RIR 2019 (Reprodução/Site Oficial)

A edição de 2019 terá quase mil banheiros. Haverá um espaço de meio quilômetro, equivalente ao comprimento de quase cinco campos de futebol, para comprar comida, bebida e produtos especiais do evento.

Na edição de 2017, na cidade carioca, foram contratadas 20 mil pessoas para fazer tudo funcionar. Ao estimar pela área do evento de 2019, é provável que aproximadamente 23,7 mil trabalhadores precisem ser contratados para deixar tudo em ordem.

Públicos memoráveis

Ao longo de sua história, o Rock in Rio já recebeu  9,5 milhões de pessoas. Esse número é maior do que a população dos Emirados Árabes Unidos.

O Rock In Rio é o maior espetáculo da Terra

Os números do Rock In Rio realmente impressionam (Reprodução/Site Oficial)

O maior público em números absolutos foi justamente do primeiro Rock in Rio, em 1985, que aconteceu em uma área de 250.000 m² em Jacarepaguá. 1,38 milhão de pessoas presenciaram o evento. Tá ligado no festival de Woodstock, que aconteceu em 1969? Pois bem, o RIR I foi mais de 3 vezes maior.

O dia 11 de janeiro de 1985, que teve Queen, Iron Maiden, Whitesnake, Baby Consuelo e Pepeu Gomes, Erasmo Carlos e Ney Matogrosso, levou nada menos que 300 mil pessoas à Cidade do Rock, número maior que a população atual de Palmas (TO). Naquele dia, com a música Desperta, América do Sul, Ney inaugurou o evento.

Exigências absurdas

As exigências dos artistas chegam a ser surreais, como você pode imaginar! Porém, listaremos aqui somente os pedidos mais inusitados.

Na primeira edição do evento, Freddie Mercury exigiu que o corredor até seu camarim estivesse totalmente livre. A medida determinava que os demais artistas, sobretudo os brasileiros, ficassem longe do campo de visão do vocalista. Ah, a majestade também gostava de encontrar seu saquê na exata temperatura de 20 graus.

No rock in rio I, Mercury fez jus ao título de realeza

Freddie Mercury, a realeza do rock (Reprodução/Site Oficial)

No Rock in Rio II, em 1991, Prince pediu um camarim todo na cor púrpura. Para resolver o problema, a organização acendeu dezenas de velas vermelhas de sete dias. O astro também exigiu um corredor polonês, entre camarim e o palco, formado por 70 seguranças, que na hora que pisasse no Maracanã, todos deveriam virar de costas para ele.

Também no RIR II, o Guns fez uma série de exigências! A banda determinou que Poison não tocasse no evento, excluiu a pirotecnia do show do Judas Priest  e ainda “sugeriu” a presença do Faith No More no lineup.

Ainda na segunda edição, George Michael pediu 20 pratos de comida kosher lacrados e rezados por um rabino (detalhe: só um prato foi consumido). O artista também determinou que organização bancasse suas férias de 15 dias nas praias da Região dos Lagos, interior do RJ.

No Rock In Rio 2015, Katy Perry exigiu que a tirolesa não funcionasse durante sua apresentação. Ela também solicitou camarim decorado com temática francesa, cadeira de diretor com seu nome escrito, um funcionário exclusivo para lavar e picar seus legumes e silêncio absoluto antes de entrar no palco.

Jared Leto sempre se diverte no Rock In Rio

O que Katy proibiu, Jared Leto aproveitou (Reprodução/Internet)

A questão da água também é bem levada a sério! Rihanna e Justin Timberlake, por exemplo, pediram água vulcânica da Indonésia. Por sua vez, o veterano Rod Stewart exigiu água mineral de uma determinada marca francesa.

Rock in Rio é sucesso de público

Todo mundo vai (Reprodução/Site Oficial)

Com base nos números e curiosidades acima, não é difícil entender que o Rock in Rio é realmente o maior festival de música do mundo. A edição 2019, conforme você viu aqui, é sold out! Com direito à “presença de Anitta”, o evento já é histórico.

A festa vai rolar nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 3, 4, 5 e 6 de outubro, no Rio de Janeiro.  Mas e aí, querido amigo leitor? Você vai curtir algum show? Conta pra gente nos comentários 😉

Leia também

Ver mais posts

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK