Cifra Club

Noncompliance To ASTM F899-12 Standard

Carcass

Descumprimento Da Norma Astm F899-12 Padrão

Ainda não temos a cifra desta música.

Numbing torturous troubadours
Of this melodious dirge
Ostentatious triumphalism
Impressarios of despair

Virtuosos of the visceral
Artisans of the morgue
Wretched morbid euphemisms
Orating grisly tongue

This is the way of all flesh that will decay
The cycle of death exhausted well and truly plagued
A vacuous malaise for which you studiously cater
The lowest common neonate denominator

Germinated spores are sown
Plagiarised as your own
But it's you we've outgrown
Stillborn at birth

Artistically moribund
Soulless ghosts of the underground
By the past you are bound
Stunted at birth

Dulled, blunted, low tensile dearth metal
Melodists of soullessness
Harmonisers of the converse
In heartless exuberance
Impotent vain facile notations
Purveyors of rottenness
Deadpan putrescent prose
A musical spent blunt force trauma
The butcher's cur attenuated

This is the way of all flesh that will decay
The cycle of death exhausted well and truly played
A terminal malaise that you so feverishly savour
The lowest common puerile denominator

The fruits of perfection shown
Assimulated & decomposed
But it's you that's been outgrown
Stillborn at birth

Non hardened, brittle, untempered, dead

This is the way of all flesh that will decay
The cycle of death unbroken - stunted at birth
A vacuous malaise well and truly plagued
-the lowest common denominator
-stillborn at birth

Dulled, blunted, low tensile dearth metal

Artistically moribund
Soulless ghosts of the underground
By our own past we are bound
Stillborn at birth - D.O.A.

Trovadores torturantes entorpecidos
Desse melodioso canto fúnebre
Triunfalismo ostentador
Produtores de desespero

Virtuosos da víscera
Artesãos do necrotério
Eufemismos mórbidos miseráveis
Língua macabra vociferante

Este é o destino de toda a carne que irá apodrecer
O ciclo de morte esgotado e verdadeiramente empesteado
Uma doença vazia que você cuidadosamente ministra
O menor denominador comum de um recém-nascido

Esporos germinados são semeados
Plagiados como o seu próprio
Mas é você que nós superamos
Nascido morto

Artisticamente moribundo
Fantasmas sem alma do subsolo
Pelo passado você é preso
Definhado ao nascer

Entorpecido, embotada, metal deficiente pouco flexível
Melodistas de desumanidade
Harmonizadores do inverso
Na exuberância sem coração
Notações vãs, óbvias e impotentes
Fornecedores de podridão
Prosa inexpressiva e putrefata
Um traumatismo passado por um musical
A inutilidade do açougueiro atenuada

Este é o destino de toda a carne que irá apodrecer
O ciclo de morte esgotado e verdadeiramente feito
Um mal-estar de terminal que você tão febrilmente saboreia
O menor denominador comum infantil

Os frutos da perfeição apresentados
Dissimulado e decomposto
Mas é você que tem sido superado
Nascido morto

Não endurecido, frágil, trivial, morto

Este é o caminho de toda a carne que apodrecerá
O ciclo da morte ininterrupto - atrofiado ao nascimento
Um mal-estar vazia bem e verdadeiramente atormentada
-O menor denominador comum
-Nascido morto

Entorpecido, embotada, metal deficiente pouco flexível

Artisticamente moribundo
Fantasmas sem alma do subsolo
Pelo seu próprio passado você é preso
Nascido morto - Morto ao chegar

Composição: Bill Steer/Daniel Wilding/JEFF/Walker Colaboração e revisão:
  • Rodrigo
  • Bruno Ayres

0 comentários

mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK