Cifra Club

Aprenda

When I Was Done Dying

Dan Deacon

Quando Eu Estava Morto

Ainda não temos a cifra desta música.

When I was done dying, my conscience regained
So I began my struggle, a nothingness strained
Out a flash made of time, my new form blasted out
And it startled me so and I burst out a shout
At which my legs ran frantic like birds from a nest
And I ran until drained, leaving no choice but rest
So I fell asleep softly at the edge of a cave
But I should have gone in deeper but I'm not so brave
And like that I was torn out and thrown in the sky
And I said all my prayers because surely I'll die
As I crashed down and smashed into earth, into dirt
How my skin did explode, leaving only my shirt
But from shirt grew a tree and then tree grew a fruit
And I became the seed and that seed was a brute
And I clawed through the ground with my roots and my leaves
And I tore up the shirt and I ate up the sleeves
And they laughed out at me and said: What is your plan?
But their question was foreign, I could not understand
When then suddenly I'm ripped up and placed into a mouth
And it swallowed me down at which time I head south
I said hey ya ya hey ya ya hey ya ya hey ya ya hey ya ya
Well I woke up to see them, these two mighty steeds
With their mouths grinning wildly expressing my needs
As they stood there above me, being flanked on each side
I felt no need to fear them, no reason to hide
So I reached up to touch but they faded too soon
Yet their mouths still remained and stacked up towards the moon
How that ladder of mouth waved so soft in the night
And I looked up in awe at that beautiful sight
And I dreamt about climbing into the night sky
But I knew had I touched them they'd mouth back: Bye-bye
So I got up and walked down the path in the dark
And there deep in the distance my eye caught a spark
Of a crab twice my size with incredible strength
Oh, it greeted me kindly and then we all drank
And we drooled out together right onto the ground
And the ocean grew up quickly right up all around
And the earth looked at me and said: Wasn't that fun?
And I replied: I'm sorry if I hurt anyone
And without even thinking cast me into space
But before she did that she wiped off my own face
She said better luck next time don't worry so much
Without ears I couldn't hear I could just feel the touch
As I feel asleep softly at the edge of a cave
But I should have gone deeper but I'm not so brave
I said hey ya ya hey ya ya hey ya ya hey ya ya hey ya ya

Quando terminei de morrer, minha consciência recuperei
Então eu comecei o meu esforço, um nada esticado
De um flash feito de tempo, minha nova forma explodiu
E isso me assustou e eu gritei, explosivo
Enquanto minhas pernas correram frenéticas como pássaros de um ninho
E eu corri até secar, não deixando a escolha senão descansar
Então adormeci suavemente na porta de uma caverna
Eu deveria ter ido mais fundo, mas não sou tão corajoso
E assim eu fui rasgado e jogado no céu
E eu rezei todas as minhas orações porque eu certamente morreria
E eu colidi com a terra, com a sujeira
Como minha pele explodiu, deixando apenas minha camisa
Mas da camisa cresceu uma árvore e então da árvore cresceu uma fruta
E eu me tornei a semente e essa semente bruta
E eu feri chão com minhas raízes e minhas folhas
E rasguei a camisa e comi as mangas
E eles riram de mim e perguntaram: Qual é o seu plano?
Mas a pergunta deles era alienígena, não pude entender
Quando de repente me encontro rasgado e colocado em uma boca
Que me engoliu e no momento eu me dirijo para o sul
Eu disse hey yaya, hey yaya, hey yaya, hey hey hey yaya
Bom, eu acordei para vê-los, esses dois poderosos corcéis
Com suas bocas sorrindo selvagens expressando minhas necessidades
E continuaram acima de mim, lado a lado flanqueados
Não senti necessidade de temê-los, ou razão para me esconder
Então eu tentei tocá-los, mas eles desapareceram cedo demais
No entanto, suas bocas ainda se mantiveram e se empilharam em direção à lua
Como aquela escada de bocas ondulava tão suave na noite
E eu olhei com admiração para aquela bela vista
E sonhei em subir ao céu noturno
Mas eu sabia que, se eu tivesse tocado eles, eles teriam dito: Tchau-tchau
Então me levantei e andei pelo caminho, no escuro
E, na profundidade, meu olho avistou uma faísca
De um caranguejo duas vezes meu tamanho com uma incrível força
Oh, ele me cumprimentou gentilmente e todos nós bebemos
E nós babamos juntos diretamente no chão
E o oceano cresceu rapidamente em toda a parte
E a terra me olhou e disse: Se divertiu?
E eu respondi: Me desculpe se eu machuquei alguém
E sem sequer pensar me lançou no espaço
Mas antes de fazer isso, ela apagou meu próprio rosto
Ela desejou melhor sorte na próxima vez, que você não se preocupe tanto
Sem ouvidos, eu não conseguia ouvir, só dava pra sentir o toque
Enquanto eu adormecia suavemente na entrada de uma caverna
Eu deveria ter ido mais fundo, mas não sou tão corajoso
Eu disse hey yaya, hey yaya, hey yaya, hey hey hey yaya

Composição de Dan Deacon
Colaboração e revisão:
  • Felipe Motta
  • B. Ribeiro

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir Qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK