Cifra Club

Inverno

Graveola e o Lixo Polifônico

Letra

Sei que convêm os pés no chão
Os olhos sem se abrir demais
A sorte pouca e justa enfim
Sei alimentar o sonho em minha voz
Que não consente a própria vaidade de existir

Quanto desacato ao simples querer
Eu devo dizer: eu guardo um mundo em mim

Sem saber por onde posso andar
Por onde começar eu vejo é tão difícil desistir
Posso acreditar? Devo acreditar em quê?

Composição: Luiz Gabriel Lopes Colaboração e revisão:
  • Marcela Sathler

0 comentários

mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK