Cifra Club

Aprenda

Anseios

Grupo Querência

Ainda não temos a cifra desta música.

Se tropeio légua a légua
Sem nunca vagar a esmo
É porque conheço os rumos
Das estradas de mim mesmo
Se trago nestes peçuelos
Alguns nacos de horizonte
É porque reparto sonhos
Entre pousos e repontes
(Entre pousos e repontes)

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Se procuro escuros olhos
Na densa noite morena
É porque dormem estrelas
No negrume das melenas
Se recruto em cada catre
O calor de um carinho
É porque falta ternura
Pelas curvas do caminho
(Pelas curvas do caminho)

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Se tranço os tentos do tempo
Entretendo longa ausência
É porque depois das idas
Vem a volta pra Querência
Se galopo na coxilha
Onde habita a ilusão
É porque não domo as ânsias
Deste potro coração
(Deste potro coração)

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Se germinam no meu canto
A semente das estradas
É porque, dentro de mim
Liberdade fez morada

Colaboração e revisão:
  • Lillian Viana

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK