Cifra Club

Aprenda

Cidades Privadas

À Há A Margem

Ainda não temos a cifra desta música.

Não me olhe com esses olhos de desdém
Esticando seu pescoço em muros altos
Simplesmente por não aceitar
Que seu mundo encantado
É falso, estranho, bizarro
Você ainda espera seu pequeno ditador?
Verdade?
Quanta maldade eu sinto neste olhar
Quanta inveja eu desperto em você
E no silêncio, às vezes eu deixo rolar
Coisas tão simples que meus olhos nunca veêm
Eu espero que a noite não prolongue mais
Toda essa agonia que me força dia a dia
A aceitar seu velho “modus operandi”
Massacrando nossos sonhos de justiça, amor e paz

Compositor não encontrado.
Colaboração e revisão:
  • Luciano Leal

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir Qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK