Cifra Club

Aprenda

História do Capuchinho Rodrigues Monteiro

Herman José

Letra

Na sexta-feira 13 de Janeiro
O capuchinho Rodrigues Monteiro
vai à casinha da sua avozinha
Com leite e mel dentro da cestinha!

Chega à floresta, apanha uma flor'
Fuma um cigarro e liga o transístor
Ouve os rugidos do noticiário
E vê que o mundo está todo ao contrário!

LEVA O ALMOÇO À AVOZINHA MARIA
QUE MORA LONGE DALI
A VELHA TEVE UMA PARALISIA
VAI PÔ-LA A FAZER XIXI

A mãe disse ao jovem, antes de partir
Meu capuchinho, tu tens de lá ir
Mas tem cuidado não subas a voz
que anda nos bosques a loba feroz

Vai pela sombra da banda de cá
E não te aventures pelos maus caminhos
Olha que a loba é má, muito má
É uma bicha que come os meninos

LEVA O ALMOÇO À AVOZINHA MARIA
QUE MORA LONGE DALI
A VELHA TEVE UMA PARALISIA
VAI PÔ-LA A FAZER XIXI

O capuchinho desobedeceu
Todo traquinas pelos bosques se meteu
Armou aos cucos, correu veloz
E deu de trombas co'a loba feroz

A loba disse capuchinho rapagão ai que emoção
Aonde vais com o cabazinho na mão todo gentil
Ai fic'aqui que eu estou loca, loca, loca de paixão
Vamos os 2 fazer a lua-de-mel pro meu cubil, pró meu cubil

Ai capuchinho que destino atroz
Casou há dias com a loba feroz
Por causa disso ficou a avozinha
Sem a merenda e toda mijadinha

LEVA O ALMOÇO À AVOZINHA MARIA
QUE MORA LONGE DALI
A VELHA TEVE UMA PARALISIA
VAI PÔ-LA A FAZER XIXI

Composição de Herman José
Colaboração e revisão:
  • Diogo Silva

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK