Cifra Club

Cocaine Blues

Johnny Cash

Cocaína Blues

Letra

Early one mornin' while makin' the rounds
I took a shot of cocaine and I shot my woman down
I went right home and I went to bed
I stuck that lovin' 44 beneath my head

Got up next mornin' and I grabbed that gun
Took a shot of cocaine and away I run
Made a good run but I run too slow
They overtook me down in Juarez Mexico

Late in the hot joints takin' the pills
In walked the sheriff from Jericho Hill
He said Willy Lee your name is not Jack Brown
You're the dirty hack that shot your woman down

Said yes oh yes my name is Willy Lee
If you've got the warrant just a'read it to me
Shot her down because she made me slow
I thought I was her daddy but she had five more

When I was arrested I was dressed in black
They put me on a train and they took me back
Had no friend for to go my bail
They slapped my dried up carcass in that county jail

Early next mornin' bout a half past nine
I spied the sheriff coming down the line
Talked and he coughed as he cleared his throat
He said come on you dirty heck into that district court

Into the courtroom my trial began
Where I was handled by twelve honest men
Just before the jury started out
I saw the little judge commence to look about

In about five minutes in walked the man
Holding the verdict in his right hand
The verdict read in the first degree
I hollered Lordy Lordy have mercy on me

The judge smiled as he picked up his pen
99 years in the Folsom pen
99 years underneath that ground
I can't forget the day I shot that bad bitch down

Come on you've gotta listen unto me
Lay off that whiskey and let that cocaine be!

Numa manhã enquanto dava voltas
Eu tomei uma dose de cocaína e matei minha mulher
Eu fui para casa e fui para cama
Guardei aquela amada 44 embaixo da minha cabeça

Na manhã seguinte, peguei aquela arma
Tomei uma dose de cocaína e fugi
Fiz uma boa corrida, mas corri muito devagar
Eles me pegaram em Juarez, México

Mais tarde, nos baseados e tomando pílulas
Encaminhado ao xerife de Jericho Hill
Ele disse: Willie Lee seu nome não é Jack Brown
Você é o vagabundo imundo que matou a mulher

Disse: Sim, oh, sim, meu nome é Willy Lee
Se você tem autoridade então venha para cima de mim
Matei ela porque ela me feriu
Eu pensava que era seu amado, mas ela tinha mais cinco

Quando eu fui preso, eu vestia preto
Eles me colocaram num trem e me trouxeram de volta
Não tinha amigos para pagar minha fiança
Eles bateram na minha carcaça seca naquela penitenciária

Na manhã seguinte, por volta das 9: 30
Eu espiei o xerife vindo
Falou e tossiu enquanto limpava a garganta
Ele disse: Venha, seu vagabundo, até a corte do distrito

No tribunal, meu julgamento começou
Lá estava eu nas mãos de doze homens honestos
Antes mesmo do júri começar
Eu vi o pequeno juiz olhar em volta

Por volta de cinco minutos, o homem
Segurando o veredicto na sua mão direita
A leitura do veredicto em primeira estância
Eu gritei humildemente, humildemente: Tenha pena de mim

O juiz sorriu enquanto pegava sua caneta
99 anos na prisão de Folsom
99 anos debaixo daquele chão
Eu não consigo me esquecer do dia em que matei aquela vagabunda cruel

Venha, você tem que me escutar
Largue esse whiskey e deixe a cocaína estar

00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir
Outros vídeos desta música
Composição de T. J. Arnall
Colaboração e revisão:
410 exibições

0 comentários

Ver todos os comentários

Entre para oCifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Prioridade de compra em lançamentos

  • Mais recursos no app do Afinador

  • Atendimento Prioritário

  • Descontos nos produtos Cifra Club

  • Ajude a produzir mais conteúdo

00:00 / 00:00

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK