Cifra Club

Carência (part. Humberto e Ronaldo)

Jorge & Mateus

Letra

Dez pras seis da manhã e olha eu
Camisa toda amassada, voltando pra casa
Trago, no corpo, o cheiro
De outra pessoa que não é você

Eu te dou razões pra não me perdoar
Mas ouça-me um pouco, sente aqui no sofá
Desculpe esse cheiro forte de bebida
É que afoguei as mágoas tentando te esquecer

Prefiro sofrer na verdade que amar na mentira
Viver na carência, não vira
Me ama direito, já faz mais de um mês
Que a gente não faz amor

Prefiro sofrer na verdade que amar na mentira
Viver na carência, não vira
Se eu durmo na rua, a culpa é sua
Que não me dá valor

Dez pras seis da manhã e olha eu
Camisa toda amassada, voltando pra casa
Trago, no corpo, o cheiro
De outra pessoa que não é você

Eu te dou razões pra não me perdoar
Mas ouça-me um pouco, sente aqui no sofá
Desculpe esse cheiro forte de bebida
É que afoguei as mágoas tentando te esquecer

Prefiro sofrer na verdade que amar na mentira
Viver na carência, não vira
Me ama direito, já faz mais de um mês
Que a gente não faz amor

Prefiro sofrer na verdade que amar na mentira
Viver na carência, não vira
Se eu durmo na rua, a culpa é sua
Que não me dá valor

00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir
Outros vídeos desta música
Compositor não encontrado.
Colaboração e revisão:
  • Lincoln Santos
1 exibições

0 comentários

Ver todos os comentários

Entre para oCifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Prioridade de compra em lançamentos

  • Mais recursos no app do Afinador

  • Atendimento Prioritário

  • Descontos nos produtos Cifra Club

  • Ajude a produzir mais conteúdo

00:00 / 00:00

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK