Notificações Amigos pendentes

      Matogrosso & Mathias

      A vida do pescador

      60.394 exibições
      Tom: E
      Intro: E A B E
      
      E                                                        F#m
      Vou fazer o meu ranchinho na beira do rio só pra mim pescar
                        B7                                 E
      Pra fugir do barulhão da cidade grande pra não estressar
                                       E7                 A
      La eu fico a vontade jogo um farelinho pra cevar o poço
                         E              B7            E
      Até esqueço que no banco eu to atolado até o pescoço
      
      Refrão:
      E7          A       B            E     C#m                    F#m    B7             E
      Ai como é difícil a vida do pescador de noite ele enrosca o anzor... na gaiada da taboca
          A                E   B7                E
      De dia ele queima no sor dando banho na minhoca
      
      ( E A B E )
      
      E                                                     F#m
      Levanto de madrugada pego a minha enxada e começo a cavar
                           B7                                      E
      Mais é pra rancar minhoca pra fisgar uns bagres pra nois armoçar
                                            E7              A
      Depois ranco umas mandiocas e jogo na água pelas estragar
                         E              B7                 E
      Pra cevar peixe graúdo eu faço de tudo pra não trabalhar
      
      Refrão:
      E7          A       B            E     C#m                    F#m    B7             E
      Ai como é difícil a vida do pescador de noite ele enrosca o anzor... na gaiada da taboca
          A                E   B7                E
      De dia ele queima no sor dando banho na minhoca
      
      ( E A B E )
      
      E                                           F#m
      Vou chamar o Anizião um caboco bão pra tarrafiar
                      B7                                   E
      Ele da uma tarrafiada que precisa quatro pra poder puxá
                                      B7              A
      Dias desses la no corgo ele apichou a sua tarrafinha
                       E            B7                 E
      Pegou cinco jiripoca uma onça parda e dezoito galinha
      
      Refrão:
      E7          A       B            E     C#m                    F#m    B7             E
      Ai como é difícil a vida do pescador de noite ele enrosca o anzor... na gaiada da taboca
          A                E   B7                E
      De dia ele queima no sor dando banho na minhoca
      
      ( E A B E )
      
      E                                                          F#m
      Tudo aqui no meu ranchinho é bem simplesinho eu falar pro "ceis"
                                        B7                  E
      É um farturão danado nóis pega dourado e sorta outra vez
                                    E7                   A
      A pexaiana miúda nois tem uma vara que é pra comparar
                             E                   B7                E
      Se não der um metro e meio nois sorta os bichinho preles miorar
      
      Refrão:
      E7          A       B            E     C#m                    F#m    B7             E
      Ai como é difícil a vida do pescador de noite ele enrosca o anzor... na gaiada da taboca
          A                E   B7                E
      De dia ele queima no sor dando banho na minhoca
      
      ( E A B E )
      
      E                                                         F#m
      Quando vai escurecendo nois vorta pro rancho é hora de jantar
                                                B7                E
      Um arroz com cambuquira um franquinho caipira que é pra variar
                                              E7                    A
      Depois nois ferra no truco joga umas partidas que é pra relaxar
                              E                  B7                E
      Ai nois vai dormir tranqüilo pra no outro dia nois vorta pescar.
      
      Refrão:
      E7          A       B            E     C#m                    F#m    B7             E
      Ai como é difícil a vida do pescador de noite ele enrosca o anzor... na gaiada da taboca
          A                E   B7                E
      De dia ele queima no sor dando banho na minhoca
      
      ( E A B E )
        Composição: MathiasColaboração e revisão:
        • Marcos
        • Flávio Obara
        • dinho
        • rfo2007

        Comentários 1

        140 .
        • Marcos Marcos: Em 29/02/2016 20:47

          Agora sim! Tom original!

        140 cancelar

        conseguiu tocar?

        covers

        Grave um vídeo tocando A vida do pescador e mande pra gente!

        Ex.: http://www.youtube.com/watch?v=0IvSvIwGdwk
        ver covers de outras músicas »
        0:00 / 0:00

        Capítulos

          1 versão de violão dificuldade exibições contribuição e correção
          1 versão de guitarra dificuldade exibições contribuição e correção
          1 versão de cavaco dificuldade exibições contribuição e correção
          1 versão de teclado dificuldade exibições contribuição e correção
          play/pausefechar subir/descer velocidade
          6ª corda E5ª corda A4ª corda D3ª corda G2ª corda B1ª corda E
            acordes
            publicidade
            fechar
            ok