Enviar cifraEntrar

Bullet The Blue Sky

Sepultura

Atire no Céu Azul

Letra

In the howling wind comes a stinging rain
See it driving nails
Into the souls on the tree of pain
From the firefly, a red orange glow
See the face of fear running scared in the valley below

Bullet the blue sky
Bullet the blue sky
Bullet the blue
Bullet the blue

In the locust wind comes a rattle and hum
Jacob wrestled the angel and the angel was overcome
You plant a demon seed; You raise a flower of fire
You see them burning crosses
You see the flames higher and higher

Bullet the blue sky
Bullet the blue sky
Bullet the blue
Bullet the blue

This guy comes up to me
His face red like a rose on a thorn bush
Like all the colors of a royal flush
And he´s peeling off those dollar bills
Slapping them down
One hundred, two hundred
And I can see those fighter planes
And I can see those fighter planes
Across the mud huts where the children sleep
Through the alleys of a quiet city street
You take the staircase to the first floor
Turn the key and slowly unlock the door
As a man breathes into a saxophone
And through the walls you hear the city groan
Outside is America
Outside is America

Across the field you see the sky ripped open
See the rain through a gaping wound
Pounding on the women and children
Who run
Into the arms
Of America

No vento que sopra vem uma chuva picante
Vejo chover pregos
Nas almas da árvore da dor
Do vaga-lume, um brilho vermelho alaranjado
Vejo a face do medo correndo assustada no vale

Atire no céu azul
Atire no céu azul
Atire no azul
Atire no azul

No vento dos gafanhotos vejo chocalhos e zumbidos
Jacó lutou contra o anjo e o anjo foi derrotado
Plante a semente demoníaca, uma flor de fogo cresce
Você vê eles queimando cruzes
E vê as chamas cada vez mais altas

Atire no céu azul
Atire no céu azul
Atire no azul
Atire no azul

Esse cara vem até mim
Seu rosto vermelho como uma rosa no espinheiro
Como todas as cores de uma florescência real
Ele descasca aquelas notas de dólares
Dando tapas nelas
Cem, duzentos
Eu posso ver os aviões da guerra
Eu posso ver os aviões da guerra
Pelas casas de barro onde crianças dormem
Através dos becos de uma cidade silenciosa
Você sobe a escada para o primeiro andar
Vira a chave e lentamente destranca a porta
Enquanto um homem respira num saxofone
E através da parede você ouve a cidade rosnar
Lá fora é a América
Lá fora é a América

Pelo campo você vê um céu aberto e rasgado
Vê a chuva através de uma ferida aberta
Caindo sobre mulheres e crianças
Quem correrá
Para os braços
Da América

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
    Composição: Bono Vox/SepulturaColaboração e revisão:
    • Elayse bezerra

    0 comentários

      mostrar mais comentários
      00:00 / 00:00
      outros vídeos desta música
      repetirqualidadeautomática
      • automática
      Outro vídeos desta música
        00:00 / 00:00
        automática
        • automática
        Acordes para:violão e guitarra
        dificuldadeexibiçõescontribuições
        1 versão de Tab de baixoexibiçõescontribuições
        1 versão de Tab de bateriaexibiçõescontribuições
        fecharplay/pause subir/descer velocidade
        fechar
        OK