Cifra Club

Tráfego

Taís Alvarenga

Ainda não temos a cifra desta música.

Já passou de obsessão a minha busca por te querer
Já passou de tudo
Já virou insensatez a tentativa de se entender
Falamos língua de absurdo

É sol, é dó, é nó sustenido
Futuro que sei lá por quê, cai de imaturo
E eu que já perdi a conta de contar às vezes que você
Deu com fé no escuro

E se um dia a gente faz que já não deu
Quanto tempo vai durar a minha dor?
Se você me joga para nunca mais
Quanto tempo vai?
E se um dia a gente faz que se perdeu
Quanto tempo vai durar a tua dor?
Se você me joga para nunca mais
Quanto tempo vai?

A gente faz que discorda
E etiqueta tanto a porta pra dizer que não
Mas é de surdo, cego e mudo
Fecha, pára, balança com direito a ofensa sem sentir
A mesma, um de dois culpados

É quase roupa sem fundo, amarrotado
Pouco à pouco, sem botão
Tá desacordado. Mesmo assim inevitável
Doce quente de panela tem pra mais ninguém
Faz do resto tráfego

E se um dia a gente faz que já não deu
Quanto tempo vai durar a minha dor?
Se você me joga para nunca mais
Quanto tempo vai…?
E se um dia a gente faz que se perdeu
Quanto tempo vai durar a minha dor?
Se você me joga para nunca mais
Quanto tempo?

Quanto tempo? Quanto tempo? Quanto tempo?

Composição de Tais Alvarenga
Colaboração e revisão:
  • Rodrigo Cortes

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir Qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK