Cifra Club

Aprenda

El Paso

Tom Russell

El Paso

Ainda não temos a cifra desta música.

Out in the West Texas town of El Paso
I fell in love with a Mexican girl
Nighttime would find me in Rosa's Cantina
Music would play and Felina would whirl

Blacker than night where the eyes of Felina
Wicked and evil while casting a spell
My love was strong for this Mexican maiden
I was in love, but in vain I could tell

One night a wild young cowboy came in
Wild as the West Texas wind
Dashing and daring, a drink he was sharing
With wicked Felina, the girl that I loved

So in anger I challenged his right for the love of this maiden
Down went his hand for the gun that he wore
My challenge was answered, in less than a heartbeat
The handsome young stranger lay dead on the floor

Just for a moment I stood there in silence
Shocked by the foul evil deed I had done
Many thoughts ran through my mind as I stood there
I had but one chance and that was to run

Out through the back door of Rose's I ran
Out where the horses were tied
I caught a good one, it looked like it could run
Up on his back and away I did ride

Just as fast as I could from the West Texas town of El Paso
Out thru the badlands of New Mexico

Back in El Paso, my life would be worthless
Everything's gone in life nothing is left
It's been so long since I've seen the young maiden
My love is stronger than my fear of death

I saddled up and away I did go
Riding alone in the dark
Maybe tomorrow a bullet may find me
Tonight nothing's worse than this pain in my heart
And at last here I am on the hill overlooking El Paso
I can see Rose's Cantina below
My love is strong and it pushes me onward
Down off the hill to Felina I go

Off to my right I see five mounted cowboys
Off to my left ride a dozen or more
shouting and shooting, I can't let them catch me
I've got to make it to Rose's back door

Something is dreadfully wrong for, I feel
A deep burning pain in my side

Something is dreadfully wrong, for I feel
A deep burning pain in my side
Although I am trying to stay in the saddle
I'm getting weary, unable to ride
It's getting harder to stay in the saddle
I'm getting weary, unable to ride

But my love for Felina is strong and I rise where I've fallen
Though I am weary, I can't stop to rest
I see the white puff of smoke from the rifle
I feel the bullet go deep in my chest

From out of nowhere, Felina has found me
Kissing my cheek as she kneels by my side
Cradled by two loving arms that I'll die for
One little kiss and Felina goodbye

Na cidade de El Paso, à oeste do Texas,
Caí de amores por uma garota mexicana.
De noite ela me encontrava no bar da rose,
Felina girava ao som da música que tocava.

Os olhos de felina eram mais negros que a noite,
Perversos e maus, lançaram-me um feitiço.
Meu amor por esta donzela era forte,
Estava eu apaixonado, mas em vão o diria.

Certa noite chegou um jovem e selvagem cowboy,
Selvagem como o vento do oeste; que,
Ousado e arrojado compartilhava uma bebida
Com a perversa felina, a garota que eu amava.

Com raiva, o desafiei pelo direito ao amor daquela donzela;
Ele baixou sua mão por cima da arma que carregava,
Meu desafio foi correspondido, e, num piscar de olhos,
O belo jovem estrangeiro caiu morto no chão.

Por apenas um instante fiquei parado em silêncio,
Horrorizado pela maldoso erro que cometi.
Muitas coisas passaram pela minha cabeça ali,
E eu tinha uma única chance, correr.

Corri pela porta dos fundos do bar de rose,
Onde os cavalos estavam selados,
Peguei um que me parecia ser ligeiro
Pulei em seu lombo e fui fazer um passeio pra longe.

Saí o mais rápido que pude de El Paso, oeste do Texas,
Pelas estradas perigosas do novo México.

De volta a El Paso, minha vida perdeu o sentido
Tudo se foi e na minha vida nada restou;
E tem sido assim desde que eu vi aquela donzela.
Meu amor é mais forte que o medo da morte.

Me guiei em frente e pra longe eu fui
Cavalgando em meio a escuridão,
Talvez amanhã uma bala me encontre,
Nesta noite nada é pior que essa dor no meu coração.
E, afinal, aqui estou eu, na colina com vista para El Paso
Posso ver o bar da rose lá embaixo.
Meu amor é forte e me empurra pra frente,
Descendo a colina, eu vou ao encontro de felina.

À minha direita eu vejo cinco cowboys montados,
À minha esquerda tem doze ou mais.
Gritos e tiros, não posso deixar que me peguem,
Tenho que chegar até a porta dos fundos do bar de rose.

Alguma coisa está terrivelmente errada, posso sentir
Uma dor profunda queimando aqui do lado.

Tem alguma coisa terrivelmente errada, posso sentir
Uma dor profunda queimando aqui do lado
Embora eu tente continuar em cima da sela
Eu estou ficando cansado, incapaz de continuar
Está ficando mais difícil continuar na sela
Estou ficando cansado, incapaz de continuar.

Mas o meu amor por felina é forte e eu me levanto de onde caí.
Embora esteja cansado, eu não posso parar para descansar
Eu vejo o sopro de fumaça branca do rifle
Eu sinto a bala ir fundo no meu peito.

Como que do nada, felina me encontra
E beija meu rosto enquanto se ajoelha ao meu lado
E embalado por esses braços amorosos é que vou morrer...
Um pequeno beijo felina, e adeus!

Composição de Márcio Buzelin
Colaboração e revisão:
  • leandro corrêa
  • Ana Pimenta

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK