Desespere, Não

Vê Domingos

tom: A
     E9
Pra quê tentar guardar o tempo
F#m11/C#                               E9     F#m11/C#
 Se os sentimentos mudam como as estações?
     E9
Pra quê brigar assim com o vento
F#m11/C#                       E
 Se ele sempre tem lá suas razões?
F#m11/C#
 De mudar a  direção
A                     Am         E
 E varrer as folhas secas pelo chão
F#m                    Am
 Arrastando outonos, mudando todos os seus planos
    E                             F#4   A Am            E9  F#m11/C#  E9  F#m11/C#
 Espera que primavera vai virar verão,       desespere não

    E9
Por quê guardar assim as tuas lágrimas 
F#m11/C#                                   E9    F#m11/C#
 Se de tempo em tempo a chuva faz o céu chorar?
     E9
Por quê quebrar assim as próprias asas?
F#m11/C#                                E9
 Se o acaso sempre tem algo novo pra te dar?
F#m11/C#
 E mudar a direção
    Am                                E
De tudo que passou e é talvez, sim e não
F#m                      Am
 Arrastando invernos, fazendo virar céu, infernos
   E                                F#4   A  Am           E9  F#m11/C#  E9  F#m11/C#
 Espera que o destino sempre dá a sua mão,     desespere não
Página 1 / 1

Letras e título
Acordes e artista

resetar configurações
OK