Balada do Esplanada

Cazuza

 Cazuza
Tom: C
		
OBS: Adaptação do poema de oswald de andrade

C7                      F7
Ontem de noite eu procurei
C7                  F7
Ver se aprendia como é que se fazia
C7                    Ab7
Uma balada, antes de ir pro meu hotel
G7                          Bb7
É que esse coração já se cansou de viver só
G7                          Bb7
E quer então morar contigo no Esplanada
C7                 F7   C7  F7  
Contigo no Esplanada
C7                      F7
Pra respirar abro a janela
C7                      
Como um jornal
          Ab7                      G7
Eu vou fazer a balada, fazer a balada do Esplanada
           Bb7
e ficar sendo o menestrel
G7                   Bb7
E ficar sendo o menestrel do meu hotel
          C7             F7
Do meu hotel, do meu hotel
C7                       F7
Mas não há poesia num hotel
C7                       Ab7
Nem mesmo sendo o  Esplanada um grande hotel
G7                     Bb7   
Há poesia na dor, na flor, no beija-flor
G7                      Bb7                              C7 F7
Na dor, na flor, no beija-flor, no elevador, no elevador
C7                  Ab7
Como um jornal eu abro a janela
             G7
eu abro a janela do Esplanada pra ficar
 Bb7   
sendo o menestrel
G7                        Bb7
pra ficar sendo o menestrel do meu hotel
           C7  F7 C7
do meu hotel
18.537 exibições

Comentários 0

Composição: Cazuza / Oswald De Andrade
Esse não é o compositor? Avise-nos.
Contribuição: gilmardenck88
Exibir acordes »
publicidade
fechar