Cifra Club

Pizzicato

por Junior Guitarrista • 34.174 visitas desde 29/01/07
>>>Técnica 1: Pizzicato<<<

E ae galera! Agora vamos ver uma técnica muito importante: o Pizzicato (pronuncia-se pitzicato - a palavra vem do italiano e significa "beliscado"). A técnica consiste em usar as pontas dos dedos (indicador e médio) para tocar as cordas e fazer soar o som das casas digitadas com a mão esquerda. Essa técnica vem do do Contra-baixo acústico, foi aperfeiçoada por Stanley Clark e Jaco Pastorius para o contra-baixo elétrico e sem dúvida é uma das mais utilizadas técnicas atualmente.

Muitos iniciantes têm dificuldade para um pizzicato cordenado. Para um bom rendimento, sua mão direita deve ter uma boa postura:
-Apóie o seu dedão sempre corda imediatamente superior da que você está tocando. Por exemplo: quando você está tocando na primeira corda (Sol) apóie seu dedão na segunda corda (Ré), pois com isso você tá abafando a corda Ré e impedindo que o som dela soe indesejavelmente. Quando você está tocando na última corda (a mais grossa) apóie seu dedão em cima do captador;
-Sempre alernar os dedos (indicador e médio) - Isso também deixa os iniciantes confusos e que ainda não têm muita conrdenação, mas treine desde o começo o modo certo. Se você pegar "vicíos" agora, vai ser muito difícil perdê-los depois;
-Não toque com muita força, se você quer um som forte aumente o volume do baixo e do amplificador, pois tocar com força só deixa o som com uma qualidade ruim;

Vamos ver alguns exercícios para ajudar em cada etapa do aprendizado.

Exercício - Alternar os dedos:
Toque alternando os dedos da mão direita, comece devagar e aumente a velocidade aos poucos. Se tiver um metrônomo, use (no final desse texto explico o que é um e como usá-lo)! Na verdade, não interessa o que você está tocando com a mão esquerda agora, a única coisa em estudo é a desenvoltura dos dedos direitos! Toque pro enquanto as cordas soltas mesmo. Após alguns minutos você vai se perguntar: "Para que alternar os dedos se eu posso tocar tudo só usando o indicador?". Eu respondo: Usando somente um dedo você tem um limite de velocidade que em certas músicas você não consiguirá atingi-la. Usando os dois dedos você pode conseguir uma velocidade muito melhor, com o tempo e treino claro. (Muitos baixistas como Steve Harris do Iron Maiden e Johm Myung do Dream Theater usam os 3 dedos -indicador, médio e anelar- para conseguir uma velocidade fenomenal ou solos rápidos, mas isso é assunto para aulas posteriores...). Se você acha que está alternando bem os dedos sem errar mais, veja agora como usar o dedão para abafar as cordas.

Exercício - Abafar as cordas:
Ao se tocar baixo deve-se ter atenção no que diz respeito às cordas soltas. Se você sem querer encostar em uma corda solta, o som produzido pode estragar completamente o que você estava tocando. Por isso é de extrema importância dominar o dedão na hora de abafar as cordas. Esses exercícios vão mostrar que seu dedão deve se apoiar sempre na corda acima que você esteja tocando para que, caso essa corda for sem querer esbarrada (pelos dedos indicador e médio), nenhum som seja produzido. Por exemplo:

G|-------------
D|--0-0-0------ ---> Ao tocar a 2ª corda deixe seu dedão apoiado na
A|-xxxxxxx----- 3ª corda.
E|-------------

G|--0--0--0---- ---> Ao tocar a 1ª corda deixe seu dedão apoiado na
D|-xxxxxxxxx--- 2ª corda.
A|-------------
E|-------------

E assim por diante...Ao tocar a 4ª corda apóie seu dedão no capatdor ou em cima da última casa do braço (apenas para dar um apoio à mão - é uma questão de conforto nesse caso)
Veja essas fotos:
http://www.playmusicfree.com/music_lessons/images/body_images/bass/bass_rh_good.jpg
http://serpent.fembit.ch/images/Bass-Hand.JPG

Exercício - Salto entre as cordas:
Uma coisa que também deixa alguns iniciantes confusos é na hora é de dar saltos entre as cordas. Com o treino isso se torna algo comum, mas pode te 'travar' em algumas situações agora no início do aprendizado. Vamos ver alguns exercícios:
Obs-1: Toque essa tab a seguir alternando os dedos e usando o dedão para abafar, ou seja, treine tudo que você leu agora de uma vez só!
Obs-2: Não se preocupe agora com a mão esquerda, treine sua mão direita com as cordas soltas mesmo.

G|--------------------0--0------------------0--0-----------0-------|-
D|--------0--0-----------------------0----------------0-------0----|-
A|--------------0--0--------0--0--------0----------0---------------|-
E|--0--0--------------------------0----------------------0-------0-|- etc...

É claro que esse exercício é apenas um modelo para você entender como você deve treinar. Dê saltos entre as cordas, comece devagar e aumente a velocidade dos exercícios com o tempo, alterne sempre os dedos!


Dedos x palheta:
Esse é um tópico que sempre gera muita discussão: O que é melhor palheta ou dedos? No meu ponto de vista não tem "melhor", isso varia de estilo para estilo. Com palheta você tem um som bem mais metálico enquanto com os dedos você tem um som mais encorpado. Eu particularmente prefiro os dedos, pois acho que com eles dá pra fazer coisas que com a palheta não daria (algum dedilhado rápido ou então tocar duas cordas ao mesmo tempo, além de ter todo um estilo...Quem já viu Geezer Butler tocando sabe do que eu estou falando hehe). Eu não quero influenciar ninguém, acho que cada um deve escolher o que é melhor para si. Tem muitos estilos como punk que o baixo tocado com palheta se encaixa melhor.

Veja o que é melhor pra você...Dicas para ouvir: Escute Steve Harris (Iron Maiden) ele tem um dos pizzicatos mais rápidos do mundo! Jonh Myung (Dream Theater) ele usa os 3 dedos numa pegada manera! Geddy Lee (Rush) também faz umas paradas com a mão direita...Mas eu vou esperar mais artigos sobre agilidade da mão esquerda para comentar sobre esses baixistas!!

O que é um metrônomo e como usá-lo:
O metrônomo é um aparelho que serve para marcar o tempo, a duração das notas e os compassos. Ele mostra a velocidade em BPMs (batidas por minuto). Ele é muito útil na hora de treinar por que com o passar do tempo você vai aumentando a velocidade acompanhando o metrônomo.

Comece treinando com poucas BPMs e com o passar do tempo (alguns dias) você aos poucos vai aumentando. Toque sempre em sincronia com o ele!

DEUS ABENÇOE VOCES


OK