Cifra Club

Das Antigas

Bonde da Stronda

Cifra: Principal (violão e guitarra)
Tom: C
[refrão]
      Am              G         F           E
Meus amigos são minha vida, amizade, das antigas
        Am                     G
Quantas coisas, histórias, contigo eu vivi
      F                  E
Somos um coração, só irmão por aqui

Am
Amigo, parceiro de fé, me deixa de pé, quando quiser
              G
Só vejo minha vida com vida

Se nela também do meu lado você estiver
F
É, quantas histórias, loucuras que nós já passamos
E
Quantos perrengues, mistérios nós desvendamos

Am
Desde os tempo de escola,
                                  G
Os moleque ficavam doido com a gente
                                           F
Senta na frente pedia pra ser gastado demente
As professora, já rouca, de tanto esporro
E
Eu morro, tanto de rir quando lembro os aluno novo

    Am
São quantos caô formados, porrada que me estressa
G
Festinha dos playboyzinho eu rapava as mulher da festa
F
Resta nego covarde, que vinha na judaria
   E
Me pega pra me matar, se não te mato no outro dia

      Am
E por causa de mulher...êêê, tava de bobeira
G
Namorada,ex namorada, amores de brincadeira
F
Os amigo sempre avisam, se ligam bem de pertin
E
Essa mina ce vê legal, já essa, fica ligeiro neguin

Am
No fim, eu disse a eles, é isso ai
       G
Que eu quero pra minha vida, é isso que eu vou seguir
      F
E chamei uns amigo pra cantar junto comigo
      E
Falei que é isso sigo e nós ficamo conhecido


[refrão]


Am
De bob eu ficava, quando rolava, carne e linguiça na brasa
            G
vê se não atrasa, comédia vaza,
Chama as mulher pra cair la em casa
            F
Piranha tramava, se arrasava,
Porque dessa porta você não passava
         E
Só fechamento, moleque de tempo, amiga tá dentro, 0800

Am
E a casa de maricá que hoje tá tipo hotel
      G
Recebe os maluco todo, de hotel vai pra pinel
      F
De pinel pras festinha que rolava no terraço
        E
Os pagode junto com os braço,Giovani,Pablo um abraço!

Am
Sem laço com os pela saco que vinha ganhar espaço
       G
Sou rato nesse sentido, e amigo tenho os melhores de fato
F                                                  E
  Já embaraço tanto brabo que finge que estende a mão
                                                Am
Mas é na pista, no aperto, que tu vê quem eles são

                                           G
Lorran, perdi você irmão, por causa de uma moto
                                         F
É complicado e hoje restam algumas fotos
                                                 E
Meu avô se foi com cancer, minha mãe teve também

Mas graças ao bom Deus, que hoje tá tudo bem

Am
Todo esse processo requer esforços sem fim
       G
Porque nunca vou estar tão satisfeito assim
     F
De mim, só vai sair verdade, pra minha família
  E
Amigos são mais que isso, guerreiros são os da antiga

  Am                                                 G
E eu sou o que sou porque confiei, não desviei, reinei

Vou olhar pra trás e me orgulhar de onde cheguei
      F
Sofrimento pra um, glória pra outro
   E
A dor é a fraqueza saindo do meu corpo
exibições 7.866
Acordes para:
    Colaboração e revisão:
    • Karl Lopes

    0 comentários

    mostrar mais comentários

    Conseguiu tocar?

    0 tocaram 0 ainda não

    Grave um vídeo tocando Das Antigas e mande pra gente!

    00:00 / 00:00
    outros vídeos desta música
    repetir qualidade Automático
    Outros vídeos desta música
    00:00 / 00:00
    Automático
    OK