Cifra Club

Aprenda

As Canções do Embornal

Zé Geraldo

Ainda não temos a cifra desta música.

Saudade da estrada
Da moça e da massa
Da musa, do mano.
Da ginga e do gol
Oh! Vida parada
Sem rima e sem graça
A pé na estação
Onde o trem já passou

Mês que vem
Que dia foi o que é que manda?
Sem beijo na boca
Sem verso e sem cor
A canção me ronda
Me olha de banda
Vai brotar na boca
De outro cantador

Por todas as vilas
Por todas as trilhas
Por onde o amor
Meu peito alumiou
Um dia de novo
Se encante o poeta
Se faça de novo
O poeta um cantor
Que as horas vividas
De mais claro prumo
Por entre os extremos
Do doce e do sal
Me possam repor
Esta lira no rumo
Das canções que um dia
Tirei do embornal

Por todas as vilas
Por todas as trilhas
Por onde o amor
Meu peito alumiou
Um dia de novo
Se encante o poeta
Se faça de novo
O poeta um cantor
Que as horas vividas
De mais claro prumo
Por entre os extremos
Do doce e do sal
Me possam repor
Esta lira no rumo
Das canções que um dia
Tirei do embornal

(As canções do embornal)
Que um dia eu cantei
(As canções do embornal)
Que ainda hei de cantar
(as canções)
(as canções)

(As canções do embornal)
Que um dia eu cantei
(As canções do embornal)
Que ainda hei de cantar

(as canções)
(as canções)

(As canções do embornal)
Que um dia eu cantei
(As canções do embornal)
Que ainda hei de cantar

(as canções)
(as canções)

Composição de Tavares Dias/Zé Geraldo
Colaboração e revisão:
  • Renato Princhatti

0 comentários

Mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
7 dias grátis
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
7 dias grátis
OK