Cifra Club

Aprenda

Viola Velha

Zilo e Zalo

Ainda não temos a cifra desta música.

Batidão

Viola pendurada ali no prego
Herança que eu carrego até o fim da minha vida
Viola que tocava pelas ruas
Em tantas noites de lua você foi a preferida
Viola que ponteava em serenata
Por toda zona da mata onde eu era morador
O meu parceiro que por lá ainda mora
Já não toca mais viola, já não é mais cantador

Viola quantas vezes debrucei
Em seu bojo solucei, chorei sem consolação
Há tempos nos meus braços não te pego
Mas viola eu te carrego dentro do meu coração
Viola velha amiga das serestas
Só você é o que me resta de um passado que morreu
Suas cordas já estão enferrujadas
Num cantinho abandonada solitária como eu

Viola está perto nosso fim
Pressinto dentro de mim o final dos dias meus
Sinto minhas forças fraquejando
Vejo se aproximando o momento do adeus
Viola em meu último abrigo
Eu quero junto contigo, só você que me consola
Eu quero escrito em minha campa esse letreiro
Aqui jaz um violeiro e sua querida viola

Colaboração e revisão:
  • VALDERI PREUSS

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK