Faca Que Não Corta

Tião Carreiro e Pardinho

 Tião Carreiro e Pardinho
Tom: E
		

E|--0--------------------------------------------------------------------7--|
B|--0------0--------0--------0--------0--------0--------0----------------7--|
G#|-0--------------------------------------------------------------------7--| 2x
E|--0----2------2-5------4-2------2-5------4-2------2-5------4-2/7-7-7---7--|
B|--0--0------0--------0--------0--------0--------0--------0-------------7--|



E|----11----0--9----0-7----0-4----0-7----0-5----0--0--|
B|----12----0-10----0-9----0-5----0-9----0-7----0--0--|
G#|------------------------------------------------0--|
E|-------------------------------------------------0--|
B|--0-----0-------0------0------0------0------0----0--|


Introdução: E B7 E B7 E B7

A          E  A
Viola que não presta
B             E
Faca que não corta
         B               E
Se eu perder, pouco me importa

E
O cabo da minha enxada era um cabo bacana
                 B
Não era de guatambu, era de cana caiana
    A                  E
Um dia lá na roça, me deu sede toda hora
                   B                       E
Chupei o cabo da enxada e joguei a enxada fora

A           E  A
Enxada que não presta
B             E
Faca que não corta
         B               E
Se eu perder, pouco me importa

E
Corri atrás de uma onça, Preparando pra atirar
                    B
Do estado de São Paulo atravessou pro Paraná
  A                     E
A caça que eu atiro eu juro que não escapa
                  B                        E
A cartucheira falhou eu peguei a onça no tapa

A                E  A
Cartucheira que não presta
B             E
Faca que não corta
         B               E
Se eu perder, pouco me importa

E
Peguei o meu dinheiro emprestei prum camarada
                B
O sujeitinho sumiu, nem dinheiro e, nem mais nada
A                   E
Dinheiro emprestado é um grande perigo
                     B                       E
A gente perde o dinheiro e também perde o amigo

A          E  A
Amigo que não presta
B             E
Faca que não corta
         B               E
Se eu perder, pouco me importa

E
A fazenda do meu sogro faz divisa com a minha,
                  B
Presente de casamento, ele me deu pois eu não tinha.
A                      E
Com esse casamento fiquei rico de repente.
                   B                        E
Casei com sua fazenda trouxe a moça de presente.

A              E  A
Casamento que não presta
B             E
Faca que não corta
         B               E
Se eu perder, pouco me importa
52.383 exibições

Comentários 4

  • jandersonjango jandersonjango: Postado em 08/11/2013 18:04

    cadê o solo aff

  • Gabriel Gabriel : Postado em 04/07/2013 17:59

    coloca video aula ai vey

  • jijo jijo: Postado em 14/06/2013 13:31

    cifra para viola ae cifraclub!

    • Kleber Kleber: Postado em 25/06/2013 23:26

      olha a cifra v2

Composição: Sabe quem é o compositor? Envie pra gente. Contribuição: eduardopc4 Correções: Gleisson , alexandrecawboy e mais 2 »
Exibir acordes »
publicidade
fechar