Cifra Club

Edredon

Carlos Nobre

Ainda não temos a cifra desta música.

Vai longe o tempo
Em que se a noite era de prata
Violões em serenata
Tingiam o céu de amor

E a morena
Da janela ou do balcão
Se gostava da canção
Sorria ao trovador

Hoje a morena
Vive em copacabana
E todo bairro engalana
Lá de um décimo andar

Vai quando é noite
À boate ou ao cinema
E não se lembra, que pena
Da existência do luar

Antigamente, à luz fosca
De um lampeão
Uma trova, uma canção
Era o quanto bastava

Pois a morena
Relembrando o amor primeiro
Abraçava o travesseiro
E docemente sonhava

Mas hoje a voz
De um plangente violão
Não transpassa o edredon
Que o seu corpo acaricia

E que fazer
Não pode haver retrocesso
Ante a força do progresso
Meu violão silencia.

Outros vídeos desta música

    Afinação da cifra

    Afinador online

    0 comentários

    Ver todos os comentários

    Entre para o Cifra Club PRO

    Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

    • Chega de anúncios

    • Badges exclusivas

    • Mais recursos no app do Afinador

    • Atendimento Prioritário

    • Aumente seu limite de lista

    • Ajude a produzir mais conteúdo

    Cifra Club Pro

    Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
    Cifra Club Pro
    Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
    OK