Cifra Club

Pray (It's a Shame)

Slaughterhouse

Reze (é uma pena)

Ainda não temos a cifra desta música.

[Intro: Joe Budden]
Lord..
Please continue to guide, direct, and protect my niggaz
From the world, and from themselves

[Chorus: Joe Budden]
Lord can you please shine that light on your sons
They sent you a million prayers, you ain't answered near one
{"Ohh, it's a shame, baby baby"} It's a shame
I'm down on both knees, Father talk to 'em please
All you put 'em through is pain, but will it ever cease?
{"Ohh, it's a shame, baby baby"} What a shame

[Joell Ortiz]
Yowwa! What up world? I'm Joell
Sixth floor, project door, broke bell
Only child, no brother, no sis
Moms runnin out the door to go sniff
My highwater pants don't fit
Afro growin all wild, no pic man
{"Ohh, it's a shame, baby baby"}
Is what my teacher said for class pics
My pops? I don't know where he at
He left one day, he said he'd be back
The stove keep me warm in the winter
I'm tired of Beefaroni for dinner
My grandmoms got a bad liver
I'm just watchin her fade away
Man, I don't know what else to say
So at the end of every day I pray, I say

[Chorus]

[Royce Da 5'9"]
What up world? I'm the SHIT
I'm headed to Hell in a hand-basket
I pop pills, abuse liquor and kill niggaz
When I die, God ain't gon' judge, he gon' deal with us
That's why them reckless quotes come with my drama
My pops while coke-infested, cum in my momma
{"Ohh, it's a shame, baby baby"}
I know, right?
For those nights that I was havin them seizures
For those mornings that I was havin trouble breathin
C'mon listen; I was only a fo'-pound baby
So I grew up into grown and went fo'-pound crazy
Daddy was gangsta, mommy was passive
Boxin gloves for Christmas, I needed classes
My daddy beat our ass, that's probably why we assassins
But he'll do anythang for me; Joey pray for me

[Chorus]

[Crooked I]
What up world? I'm a lost soul
Challengin the devil standin at the crossroads
I just shot a dirty snake with my .38
He shot me too, now I'm waitin at the Pearly Gates
I seen the angel Gabriel and I came real
A lame tried to kill me, so I aim steel
{"Ohh, it's a shame, baby baby"}
Ask God is that somethin that he can't feel
I had a six-shot popper and I brought it with me
I put his thinkin cap somewhere he never thought it would be
I didn't son him, he's a daughter to me
Instead of hangin with thugs he's slangin drugs, shoulda got a college degree
But growin up in the hood'll leave your mind baffled
We put haters in the past like time travel
That's my murder story, I'm past purgatory
I need prayer though, Joey put a word in for me

[Chorus]

[Intro: Joe Budden]
Senhor?
Por favor, continue a guiar, direcionar e proteger meus manos
do mundo e deles mesmos

[Refrão: Joe Budden]
Senhor, você pode por favor iluminar nossos filhos
Eles oraram pra você milhares de vezes e você não respondeu nem ao menos uma
(Oh, é uma pena baby baby!), é uma pena!
Eu tô ajoelhado, Pai, fale com eles por favor
Tudo o que você deu a eles foi dor mas isso um dia vai acabar?
(Oh, é uma pena baby baby!), mas que pena!

[Joell Ortiz]
E aí mundo, eu sou o Joell
Sexto andar, porta com a campainha quebrada
Filho único, sem irmão sem irmã
Mãe correndo pra porta pra ir chorar lá fora
Minha calça velha já não serve mais
Negro crescendo selvagem, sem caô mano
(Oh, é uma pena baby baby!)
Foi o que minha professora disse para a classe
Meu pai? Eu não sei onde ele ta
Ele nos deixou um dia, disse que voltaria
O fogão que ficou me esquentando no inverno
Eu tô cansado de comer Beefaroni* no jantar
Minha avó teve uma vida dura
Eu tô só assistindo ela caminhar pro seu destino
Mano, eu não sei mais o que dizer
Então ao final de cada dia eu rezo, eu digo...

[Refrão]

[Royce Da 5?9??]
E aí mundo, eu sou um merda
Eu to indo pro inferno num Hand-basket**
Eu tomo pílulas, abuso do licor e mato nêgos
Quando eu morrer Deus não vai nos julgar Ele vai nos tratar
É por isso que essas citações estúpidas vêm com drama
Meu pai enquanto tava drogado [de cocaína] gozou na minha mãe
(Oh, é uma pena baby baby!), eu sei, certo?!
Daquelas noites em que eu tinha aqueles ataques epiléticos
Daquelas manhãs em que eu tinha dificuldade pra respirar
Aê, ouça: eu era apenas um pequeno bebê
Então eu cresci e me tornei um grande louco
Meu pai era gangsta, minha mãe era passiva
Luvas de boxe no Nat
al, eu precisei de aulas
Meu pai chutou nossa bunda, provavelmente é por isso que nós somos assassinos
Mas ele fará qualquer coisa por mim, Joe ore pra mim!

[Refrão]

[Crooked I]
E aí mundo, eu sou uma alma perdida
Lutando contra o demônio na divisa do céu e do inferno
Eu acabei de balear um otário com meu 38
Ele atirou em mim também, agora eu tô esperando nos portões do paraíso
Eu vejo o anjo Gabriel e eu caio na real
Um otário tentou me matar, então eu o enchi de bala
(Oh, é uma pena baby baby!)
Pergunte a Deus se há algo que ele não possa sentir
Eu dei seis tiros num cara e eu o trouxe comigo
Botei sua arma num lugar que ele nunca imaginou que poderia estar
Eu não sou um filho pra ele, ele é um filho pra mim
Em vez de ficar colando com bandidos, lidando com drogas Deveria ter um diploma no colégio
Mas crescer nas ruas deixa sua mente confusa
Nós deixamos os haters no passado como uma viagem no tempo
Essa é minha história de assassinato, eu vou passar pelo purgatório
Eu preciso de alguem que ore, Joe fale umas palavras por mim!

[Refrão]

00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir
Outros vídeos desta música
Composição de Aiko Rohd/D. Wickliffe/J. Ortiz/Joe Budden/R. Montgomery
Colaboração e revisão:
  • Demetrius Tiburcio

0 comentários

Ver todos os comentários

Entre para oCifra Club PRO

Tenha acesso a benefícios exclusivos no App e no Site

  • Chega de anúncios

  • Prioridade de compra em lançamentos

  • Mais recursos no app do Afinador

  • Atendimento Prioritário

  • Descontos nos produtos Cifra Club

  • Ajude a produzir mais conteúdo

00:00 / 00:00

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK