Cifra Club

Peace Frog

Jim Morrison

Peace Frog

Ainda não temos a cifra desta música. Contribua!

There's blood in the streets, it's up to my ankles
She came
There's blood on the streets, it's up to my knee
She came
Blood on the streets in the town of Chicago
She came
Blood on the rise, it's following me

She came about the break of day
She came and then she drove away
Sunlight in her hair

She came
Blood in the streets runs a river of sadness
She came
Blood in the streets it's up to my thigh
She came
Yeah the river runs down the legs of the city
She came
The women are crying red rivers of weepin'

She came into town and then she drove away
Sunlight in her hair
Indians scattered on dawn's highway
Bleeding, ghosts crowd
The young child's fragile eggshell mind

Blood in the streets in the town of New Haven
Blood stains the roofs and the palm trees of Venice
Blood in my love in the terrible summer
Bloody red sun of Phantastic L.A.
Blood screams the pain as they chop off her fingers
Blood will be born in the birth of a nation
Blood is the rose of mysterious union

There's blood in the streets, it's up to my ankles
Blood in the streets, it's up to my knee
Blood in the streets in the town of Chicago
Blood on the rise, it's following me

Há sangue pelas ruas, até os meus tornozelos
Ela chegou
Há sangue pelas ruas, até os meus joelhos
Ela chegou
Sangue pelas ruas da cidade de Chicago
Ela chegou
Sangue transbordando, me perseguindo

Ela chegou ao raiar do dia
Ela chegou e foi dirigir por aí
A luz do sol sobre o seu cabelo

Ela chegou
Sangue pelas ruas correndo num rio de tristeza
Ela chegou
Sangue pelas ruas, até as minhas coxas
Ela chegou
Sim, o rio corre pra baixo até as pernas da cidade
Ela chegou
As mulheres choram vermelhos rios de lágrimas

Ela chegou na cidade e então dirigiu por aí
A luz do sol sobre o seu cabelo
Índios jogados pela estrada ao amanhecer
Ensanguentados, fantasmas invadem
A jovem criança através da sua frágil mente

Sangue pelas ruas da cidade de New Haven
Sangue manchando os telhados e as palmeiras de Veneza
Sangue sobre o meu amor no terrível verão
Sangrento sol vermelho da fantástica Los Angeles
Sangue a gritar de dor ao cortarem os seus dedos
Sangue sempre nascerá ao nascer de uma nação
Sangue é a rosa da misteriosa união

Há sangue pelas ruas, até os meus tornozelos
Sangue pelas ruas, até os meus joelhos
Sangue pelas ruas da cidade de Chicago
Sangue transbordando, me perseguindo.

Composição: Jim Morrison/John Densmore/Ray Manzarek/Robby KriegeColaboração e revisão:
  • Gabriela Landim

0 comentários

    mostrar mais comentários
    00:00 / 00:00
    outros vídeos desta música
    repetirqualidadeautomática
    Outro vídeos desta música
      00:00 / 00:00
      automática
      OK