Cifra Club

Aprenda

Enquanto Houver Motivo

A286

Ainda não temos a cifra desta música.

A esperança está morrendo e você vivendo na ilusão, achando que a grade da mansão vai te livrar do caixão,
que a blindagem do seu carro, vai segurar o tiro e que o cu do seu filho vai tá fora de risco, é isso aí,
desperdiça dá incentivo, pro moleque faminto, meter latrocínio, vai na TV, e mostra quanto custa seu perigo e que por tanto por mês, você tá livre de bandido,
e como passe de mágica tem corpo no chão, caixão, de mais um irmão que falhou, na missão
vingança, revolta é cortejo pra quem morreu na guerra, e o troféu vai pro porco, soldado que te enterra,
lágrimas de sangue, degraus de cadáver, ódio pra gambé, que explode seu caráter, eu vou mostrar pra você como aqui é feita a justiça, poder encontrar sua filha decaptada fedendo a carniça

pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído
pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído

Quer saber o que faz, o muleque roubar, tira o leite de uma criança e vê quanto tempo ela vai ficar sem chorar, sem gritar sem ao menos reclamar, através de um ato vulgar ou um simples olhar,
não é justificando a ação, do ladrão, é que pressão, depressão gera desilusão e caixão, reflexão é questão de se por, morô?
Aí, sofredor eu represento a sua dor!
Troco tiro, corro risco, atender só o inferno, pra vingar, teu sangue e não te ver no necrotério, mas até quando vou ter que rimar, até que ponto pode chegar, a ira do inocente, eu tenho que olhar
sua própria filha, na esquina se vendendo por cinco conto, pra ver se alivia um terço do seu conforto com reflexo do espelho ao se sentir menos homem, tem que ver sua derrota mas não sua família passando fome

pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído
pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído

o barraco do tio foi soterrado, questão de segundos, caralho, tá tudo acabado, 40 anos de luta pelo saque, aí, quem vai chorar, mas se ele se revoltar, vai ter uma pá para julgar,
esperança já era, seu sonho tá condenado, é arriscado morrer de infarto no suicídio revoltado, só que aqui é Brasil e o sangue do pobre não comove, é ponto pra porra do Ibope, alívio pra classe nobre
a ira, que vira, revira a periferia é a mesma, que tira, a vida da sua família, fome, miséria, solidão te castiga, te joga, te isola, te maltrata e te humilha,
alma ferida, pura overdose de revolta, e a porra de um país que não negocia e fecha as portas, aí tem os bagulho que não dá, pra entender, fórmula 1, carnaval, futebol, toda essa porra, por que?
guerra, é guerra, demoníaca é a causa, te faz perder a calma, vender a própria alma, trauma, tontura, mente confusa, cheia de problemas que te leva a loucra
pelo amor de deus, para para
o caralho, dispara!
e mostra pra sociedade que aqui a justiça é feita a bala!

pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído
pra quem vive nesse inferno a esperança já tá morta!
BUM! Morta! BUM! BUM! Morta!
Enquanto houver motivo, vai ter tiro e a sociedade tremendo com sequestro, homicído

Compositor não encontrado.
Colaboração e revisão:
  • Adônis

0 comentários

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir Qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK