Cifra Club

Aprenda

Dear Doctor

Dr. Sin

Querido Doutor

Ainda não temos a cifra desta música.

Oh help me, please doctor, I'm damaged
There's a pain where there once was a heart
It's sleepin, it's a beatin'
Can't ya please tear it out, and preserve it
Right there in that jar?

Oh help me, please mama, I'm sick'ning
It's today that's the day of the plunge
Oh the gal I'm to marry
Is a bow-legged sow
I've been soakin' up drink like a sponge

"Don't ya worry, get dressed," cried my mother
As she plied me with bourbon so sour
Pull your socks up, put your suit on
Comb your long hair down,
For you will be wed in the hour

So help me, please doctor, I'm damaged
There's a pain where there once was a heart
I'm sleepin, it's a beatin'
Can't ya please take it out, and preserve it
Right there in that jar?

Oh help me, please doctor, I'm damaged
There's a pain where there once was a heart
It's sleepin, it's a beatin'
Can't ya please tear it out, and preserve it
Right there in that jar?

I was tremblin', as I put on my jacket
It had creases as sharp as a knife
I put the ring in my pocket
But there was a note
And my heart it jumped into my mouth

It read, "Darlin', I'm sorry to hurt you.
But I have no courage to speak to your face.
But I'm down in Virginia with your cousin Lou
There be no wedding today."

So help me, please doctor, I'm damaged
You can put back my heart in its hole
Oh mama, I'm cryin'
Tears of relief
And my pulse is now under control

Me acuda, por favor doutor estou estragado
Existe uma dor onde uma vez havia um coração
Está dormindo, está batendo
Você não pode arrancar
E preservá-lo dentro daquela jarra?

Me acuda, por favor mamãe, estou adoentado
É hoje o dia da minha queda
A garota com quem estou pra casar
É uma vadia
Andei bebendo feito esponja

"Não se preocupe, vista-se" gritou minha mãe
Enquanto ela me curava com bourbon amargo
Levante sua meias, vista seu terno
Penteie seu cabelo para baixo
Pois estará casado dentro de uma hora

Me acuda, por favor doutor estou estragado
Existe uma dor onde uma vez havia um coração
Está dormindo, está batendo
Você não pode arrancar
E preservá-lo dentro daquela jarra?

Me acuda, por favor doutor estou estragado
Existe uma dor onde uma vez havia um coração
Está dormindo, está batendo
Você não pode arrancar
E preservá-lo dentro daquela jarra?

Estava tremendo enquanto colocava minha jaqueta
Haviam dobras nela que cortavam feito faca
Coloquei o anel no bolso
Mas havia um bilhete
E meu coração pulou até a boca

Lia "Querido, lamento magoá-lo
Mas não tenho coragem para falar em pessoa
Mas estou em Virginia com meu primo Lou
Não haverá nenhum casamento hoje."

Me acuda, por favor doutor estou estragado
Pode colocar meu coração de volta em seu buraco
Oh mamãe, estou chorando
As lágrimas são de alívio
E meu pulso está sob-controle

Colaboração e revisão:
  • Cris Assanuma
  • Afonso Viana

0 comentários

Mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK