Cifra Club

Newborn Awaking

Jim Morrison

Acordar Recém-nascido

Ainda não temos a cifra desta música. Contribua!

Indians scattered on dawn's highway
Bleeding, ghosts crowd
The young child's fragile eggshell mind

Blood in the streets in the town of New Haven
Blood stains the roofs and the palm trees of Venice
Blood in my love in the terrible summer
Bloody red sun of phantastic L.A
Blood screams the pain as they chop off her fingers
Blood will be born in the birth of a nation
Blood is the rose of mysterious union
Blood on the rise, it's following me

Indian, indian what did you die for?
Indian says, nothing at all
Gently they stir, gently rise
The dead are newborn awakening
With ravaged limbs and wet souls
Gently they sigh in rapt funeral amazement
Who called these dead to dance?
Was it the young woman learning to play the ghost song on her baby grand?
Was it the wilderness children?
Was it the ghost god himself, stuttering, cheering, chatting blindly?
I called you up to anoint the earth
I called you to announce sadness falling like burned skin
I called you to wish you well
To glory in self like a new monster
And now I call you to pray

Índios jogados pela estrada ao amanhecer
Sangrando, fantasmas penetram
Na frágil mente da jovem criança

Sangue pelas ruas da cidade de New Haven
Sangue manchando os telhados e as palmeiras de Veneza
Sangue sobre o meu amor no terrível verão
Sangrento sol vermelho da fantástica Los Angeles
Sangue gritando de dor ao cortarem seus dedos
Sangue nascerá ao nascer de uma nação
Sangue é a rosa da misteriosa aliança
Sangue a transbordar, me perseguindo

Índio, índio pelo que você morreu?
O índio não diz absolutamente nada
Gentilmente eles agitam, gentilmente levantam
O morto acordará recém-nascido
Com membros degradados e alma úmida
Gentilmente eles suspiram extasiados no assustador funeral
Quem convidou esses mortos pra dançar?
Foi a jovem moça aprendendo a tocar a canção fantasma ao seu grande amor?
Foram as crianças selvagens?
Foi o próprio deus fantasma, gaguejando, hesitando, falando cegamente?
Eu te chamei pra ungir a terra
Eu te chamei pra anunciar a tristeza caindo como pele queimada
Eu te chamei pra desejar seu bem
Pra glória interior como um novo monstro
E agora eu o chamo pra rezar

Composição: Jim MorrisonColaboração e revisão:
  • Gabriela Landim

0 comentários

    mostrar mais comentários
    00:00 / 00:00
    outros vídeos desta música
    repetirqualidadeautomática
    Outro vídeos desta música
      00:00 / 00:00
      automática
      OK