Enviar cifraEntrar

AOV

Slipknot

AOV

Letra

Black, dirty teeth, in the crease
Was the proof too, good to be believed?
It's the cunt, with the tongue
Who belongs on broken knees?

So far, it occurs to me
That everybody in the world is afraid of me
Just one more sin and down we go
But the news is out
And I think I'm going to

Kill myself
Or fuck myself
Or tell myself
About the only thing that matters now

We bury what we fear the most
Approaching original violence
Is the silence where you hide it?
'Cause I don't recognize you anymore

To each his own
Life can do with one less watered-down excuse
If this is over, you can tell me it's no use

Use, just tell me it's over
Today, we will deceive
Our better selves
Into assimilating pain from something else
Put on your face
And show me why
Behind the scenes we had to simply comply

Now, the community
Doesn't feel any better than it used to be
I want to be a judge in a criminal case
You covered up did you cultivate?

Be yourself
Not yourself
Know yourself
'Cause no one seems to know you now

We carry what we can't control
Approaching original violence
In the silence, there's a nihilist
Who doesn't care and never did

To each his own
Life can do with one less watered-down excuse
There comes a time where we can't take the same abuse
If this is over, you can tell me it's no use… use

Drug out, pissed on, everything's the same
Bitch and moan, it doesn't matter, nothing's going to change
I don't want to watch another brother fucking die
So discarded, fallen by the side

Don’t tell me it's the only way
Just another reason why you never take the bait
The trials, the scheming, the burden of the beast
Both your faces turn your back on everything you
Fought to save a dream

Now that it's over… when this is over…

We are the angels fear to tread
Approaching original violence
We're the silence
We'll deny it
We can't continue on like this

To each his own
Life can do with one less watered-down excuse
There comes a time where we can't take the same abuse
My God, it would've taken just one word to stay from you

Now that this is over, you can tell me it's no use…
Now that this is over, you can tell me it's no use…
Use, just tell me it's over

It doesn't matter what you say
It doesn't matter what you do
We can't continue on like this

Dentes negros e sujos nos vincos
A evidência era boa demais para se acreditar?
É a vadia com a língua
Que se apóia em joelhos quebrados

Até agora, me parece
Que todos no mundo têm medo de mim
Só mais um pecado e estamos acabados
Mas as notícias se espalham
E eu acho que vou

Me matar
Me fuder
Ou dizer a mim mesmo
Sobre a única coisa que importa agora

Nós enterramos o que mais tememos
Nos aproximando da violência original
É no silêncio onde você o esconde?
Porque eu não reconheço mais você

Cada um na sua
A vida pode seguir sem mais uma desculpa esfarrapada
Se isso acabou, você pode me dizer que não adianta

Não adianta, apenas me diga que acabou
Hoje enganaremos
O melhor de nós mesmos
Assimilando a dor de alguma outra coisa
Coloque em seu rosto
E me mostre o porquê
Nos bastidores, tivemos que simplesmente cumprir

Agora a comunidade
Não parece melhor do que costumava estar
Eu quero ser o juiz em um caso criminal
Você acobertou, você cultivou?

Seja você mesmo
Não você mesmo
Conheça a si mesmo
Porque ninguém parece saber quem é você agora

Nós carregamos o que não podemos controlar
Nos aproximando da violência original
No silêncio, há um niilista
Que não se importa e nunca se importou

Cada um na sua
A vida pode seguir sem mais uma desculpa esfarrapada
Chega um momento que não aguentamos os mesmos abusos
Se isso acabou, você pode me dizer que não adianta

Drogado, irritado, tudo permanece o mesmo
Esperneie e lamente, não faz diferença, nada irá mudar
Porra, eu não quero assistir outro irmão morrer
Tão descartado e caído pelos lados

Não me diga que este é o único caminho
Só mais uma razão do porquê você nunca morde a isca
Os julgamentos, as conspirações, o fardo da besta
Ambas as suas caras se viram sobre tudo
Que você lutou para salvar um sonho

Que agora está acabado, quando isso acabar

Nós somos os anjos que temem caminhar
Nos aproximando da violência original
Nós somos o silêncio
Nós iremos negar
Não podemos continuar desse jeito

Cada um na sua
A vida pode seguir sem mais uma desculpa esfarrapada
Chega um momento que não aguentamos os mesmos abusos
Meu Deus, só precisaria de uma palavra para me afastar de você

Agora que isso está acabado, você pode me dizer que não adianta ...
Agora que isso está acabado, você pode me dizer que não adianta ...
Não adianta, apenas me diga que acabou

Não importa o que você diz
Não importa o que você faça
Não podemos continuar assim

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
    Colaboração e revisão:
    • Angelus Burkert
    • Leonardo Simões
    • Bruna Silva

    0 comentários

      mostrar mais comentários
      00:00 / 00:00
      outros vídeos desta música
      repetirqualidadeautomática
      • automática
      Outro vídeos desta música
        00:00 / 00:00
        automática
        • automática
        Acordes para:violão e guitarra
        dificuldadeexibiçõescontribuições
        fecharplay/pause subir/descer velocidade
        fechar
        OK