Cifra Club

Aprenda

Ømni - Silence Inside

Angra

ØMNI - O Silêncio Interno

Letra

You realize, silence inside, free from time and space
Echo the horns and thus we reborn in glory

No surprise, mesmerized, the new flow

The miracle of love
On the edge of the world
Expands in and out the horizon of ØMNI’s infinity
On the edge of the world
The madness of love
Ashes blown as the sun goes down like a dying ember

There goes life unbroken and fragile, around the ØMNIverse
The limits of void back the source where we belong

Hold your breath, be quiet, receive
Be sure of nothingness
Certain and calm, beneath the tides, you cross the line

From the bounds, sparkling skies are crimson

The miracle of love
On the edge of the world
Expands in and out the horizon of ØMNI’s infinity
On the edge of the world
The madness of love
Ashes blown as the sun goes down like a dying ember
Leaves a silence inside

Neutron stars are now colliding
Bursting somewhere in the sky
Every day we’re better on destroying
What love and chaos organize
Can’t our God be wrong?

The miracle of love
On the edge of the world
Expands in and out the horizon of ØMNI's infinity
On the edge of the world
On the edge of the world
Ashes blown as the sun goes down like a dying ember

The miracle of love
The madness of love
Our mirrors collide, the trumpets shall cry as the walls fall down

Você percebe o silêncio interno, livre de tempo e espaço
Cornetas ecoam e assim renascemos em glória

Sem surpresa, hipnotizado, o novo fluxo

O milagre do amor
À beira do mundo
Expande-se para dentro e para fora do horizonte do infinito de ØMNI
À beira do mundo
A loucura do amor
As cinzas sopram enquanto o Sol se põe como uma brasa apagando-se

A vida é inquebrável e é frágil, em torno do omniverso
Os limites do vazio de volta à fonte onde pertencemos

Segure a respiração, fique quieto, receba
Certifique-se de nada
Certa e calma, sob as marés, você atravessa a linha

A partir dos limites, os céus espumantes são carmesim

O milagre do amor
À beira do mundo
Expande-se para dentro e para fora do horizonte do infinito de ØMNI
À beira do mundo
A loucura do amor
As cinzas sopram enquanto o Sol se põe como brasa apagando-se
Deixa um silêncio interno

Estrelas de nêutrons agora estão colidindo
Estourando em algum lugar do céu
Todos os dias estamos melhor destruindo
O que o amor e o caos organizam
Nosso Deus não pode estar errado?

O milagre do amor
À beira do mundo
Expande-se para dentro e para fora do horizonte do infinito de ØMNI
À beira do mundo
A loucura do amor
As cinzas sopram enquanto o Sol se põe como brasa apagando-se

O milagre do amor
A loucura do amor
Nossos espelhos chocam, as trombetas choram quando as paredes caem

Composição de Bruno Valverde/Felipe Andreoli/Rafael Bittencourt
Colaboração e revisão:
  • Biel Alves
  • Laís Thiam
  • Danilo Mello

0 comentários

Mostrar mais comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático

Cifra Club Pro

Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
Cifra Club Pro
Aproveite o Cifra Club com benefícios exclusivos e sem anúncios
OK